BUSCA RESULTADOS

OS SABORES DA FRANÇA CHEGAM AO BRASIL

Vera dos Anjos - 03-mai-2019 19:31:50
Comunicado à imprensa   São Paulo, 25 de abril de 2019     OS SABORES DA FRANÇA CHEGAM AO BRASIL   Veja abaixo, na sessão de bebidas , as novidades francesas no segmento de vinhos para a APAS SHOW 2019   A gastronomia francesa nunca esteve tão próxima do Brasil. O rganizado pela Business France na Apas Show 2019 ( Stand 883 – Pavilhão Vermelho ), o Pavilhão França trará expositores franceses que apresentarão os mais deliciosos produtos M ade in France , tais como croissants , baguettes , madeleines , pães “ au chocolate ”, mostardas, molhos, vinhos, espumantes, champagnes entre muitos outros.   Esta gama de produtos tão apreciada mundialmente, já se encontra ao alcance dos consumidores brasileiros . E xportados e colocados à disposição das pequenas, médias e grandes redes de supermercados de todo o país, esta g rande variedade de produtos de qualidade, enriquecem a gastronomia de restaurantes, hotéis, padarias e cafeterias brasileiras.   No setor de bebidas, um destaque : a chegada a o mercado brasileiro da ANIVIN DE FRANCE . A Associação francesa é responsável pela promoção dos vinhos de denominação Vin De France . Ela promove o savoir-faire francês , buscando destacar as castas de uvas de origem francesa , já internacionalmente conhecidas, e/ou as uvas regionais ancestrais , geralmente inusitadas . Para saber mais sobre a ANIVIN DE FRANCE acesse:   http://bit.ly/2UXldjA   A Apas Show 2019 é uma oportunidade única para que supermercadistas, representantes, distribuidores e comerciantes d o Brasil conheçam e apreciem deliciosas iguarias. Marcas reconhecidas e consumidas pelos franceses, que colocam “ savoir-faire ” em suas criações e as exportam para todos os continentes.   Confira a seguir os expositores franceses que vão marcar presença na Apas 2019 e não esqueça de agendar um encontro para falar diretamente com os expositores , através do e-mail: lucienne.chrispim@businessfrance.fr     ·               BRIDOR ·          CHARBONNEAUX-BRABANT ·          ST. MICHEL ·          ANIVIN DE FRANCE ·          CVA – COMPAGNIE DE VINS D’AUTREFOIS ·          THIÉNOT BORDEAUX-CHAMPAGNE ·          FAMILLE BOUGRIER ·        Serviço:   APAS Show 2019 Data: De 6 a 9 de maio Local: Expo Center Norte - Rua José Bernardo Pinto, 333 - Vila Guilherme, São Paulo – SP - 02055-000 - Brasil Pavilhão França - Estande 883 -  Pavilhão Vermelho   Para mais informações e entrevistas favor contatar: Business France Brasil Serviço de Imprensa e Comunicação Vera dos Anjos - Mtb: 14.534 vera.dosanjos@businessfrance.fr Tel: (11) 3087 3122     Sobre a Business France Business France é a Agência Nacional de apoio à Internacionalização da economia francesa. Está encarregada do desenvolvimento internacional das empresas francesas e de suas respectivas exportações, bem como da promoção e do apoio aos investimentos estrangeiros na França.  Ela promove a imagem econômica e a atratividade internacional da França, de suas empresas e de  seus territórios. Ela gerencia e desenvolve o Voluntariado Internacional nas Empresas - V.I.E.   A Business France dispõe de 1.500 colaboradores, localizados na França e em outros 58 países. Ela se apoia em uma rede de parceiros.  Desde janeiro de 2019, no âmbito da reforma do dispositivo público de apoio às exportações, a Business France cedeu em prol de parceiros privados o apoio às PME e empresas de tamanho intermediário (ETI) francesas nos seguintes mercados: Bélgica, Hungria, Marrocos, Noruega, Filipinas e Singapura.   Para mais informações, visite : www.businessfrance.fr   @BF_Brazil   

A FRANÇA À FRENTE NA CLASSIFICAÇÃO DO “SOFT POWER”, GRAÇAS A MACRON.

Vera Dos Anjos - 20-juil.-2017 23:19:40
  Les Echos , 18 de Julho de 2017.   O índice - que leva em conta fatores tão diversos como gastronomia e cultura - coloca a França em destaque. A política pró-europeia do novo presidente tem seu valor reconhecido. A França dribla os Estados Unidos. O país é no momento o mais influente do mundo em termos de “soft power”, ou seja, em sua capacidade de convencer e influenciar através de meios não coercitivos, como a cultura e o digital, segundo o estudo anual publicado na última terça-feira, dia 18 de julho de 2017, denominado “SoftPower30”. Na classificação anterior, a França apontava em 5º lugar. O índice que compilou nos últimos 3 anos dados de 40 países, considera fatores tão diversos quanto a gastronomia, as proezas esportivas ou ainda a atratividade turística. Impacto da eleição de Emmanuel Macron Mesmo que Emmanuel Macron só tenha chegado à Presidência há dois meses, o estudo salienta a influência dessa eleição para a classificação. “ O soft power da França beneficiou-se da derrota do Front National e da eleição de seu mais jovem presidente, salienta o estudo. Eleito com um programa decididamente pró-europeu, o presidente é popular, tanto na França, quanto no plano internacional”. Apesar da onda de atentados, a França ainda é atrativa aos turistas que podem aproveitar da “sua cultura e de seu estilo de vida” pois a “gastronomia francesa é incomparável”. A política digital de Emmanuel Macron também teve importância nesta classificação. Nesse quesito, o novo presidente foi comparado ao canadense Justin Trudeau e ao argentino Mauricio Macri. Na verdade, a França é líder no setor de engajamentos internacionais, com sua política multilateral. Em matéria de influência cultural e de política digital, o país se encontra em 3ª posição, logo atrás dos Estados Unidos e do Reino Unido. Os Estados Unidos são rebaixados Os Estados Unidos, que ocupavam a primeira colocação na classificação no ano passado, estão agora relegados à terceira posição. “A Política de Donald Trump, America first, teve efeitos negativos no exterior, colocando alguns aliados em posição contrária e cortando relações com o resto do mundo”, nota o relatório. A política isolacionista do novo presidente e sua decisão de se retirar do Acordo de Paris sobre o clima, também teve seu papel no rebaixamento do país. Além disso, o novo ocupante da Casa Branca demostrou claramente sua ambição de focar mais no “hard” do que no “soft power”. Em fevereiro, Donald Trump demostrava sua vontade de aumentar as verbas militares em 54 bilhões de dólares, para elevar o orçamento da Defesa em 604 bilhões de dólares por ano. A decisão do Presidente de reduzir a ajuda internacional e o orçamento da diplomacia também tiveram um impacto sobre a influência do país. Os Estados Unidos   permanecem, entretanto, bem à frente no que se refere à educação, aonde se encontram “as melhores universidades do mundo e que atraem mais estudantes internacionais “ observa o relatório. Impacto do Brexit Quanto ao Reino Unido, à frente por três anos, ele se situa agora em segundo lugar. A causa? O impacto do Brexit. A incerteza nas negociações e a saída do país de uma organização internacional maior pesaram na classificação.   Para continuar a exercer um papel na área do soft power, o país deve ser, segundo o relatório, “um campeão na abertura, na tolerância e na colaboração internacional”. https://www.lesechos.fr/monde/enjeux-internationaux/010150991110-la-france-en-tete-du-classement-soft-power-grace-a-macron-2102710.php    

APAS 2016: novidades francesas na área da panificação, bebidas e gastronomia em geral

Victoria Franco - 26-avr.-2016 21:45:57
A Business France Brasil, agência francesa para o desenvolvimento internacional das empresas e a promoção dos investimentos na França, traz para APAS 2016 diversas novidades em gastronomia, bebidas e vinhos.     São produtos os mais diversos, voltados para supermercados, hotéis, restaurantes, padarias e indústria de bebidas. De modo geral, todos os nossos expositores trazem produtos de altíssima qualidade, que foram aprimorados durantes décadas, e que são hoje reconhecidos e apreciados mundialmente.   Jean François Ambrósio, Diretor do Departamento de Agronegócios fala sobre a participação das empresas na Apas: “A Business France está muito feliz em participar da feira APAS, a maior feira do setor varejista no Brasil e na América Latina. Este ano, trazemos empresas inovadoras, que oferecem opções únicas e de altíssima qualidade em alimentos e bebidas. Venha visitar o Pavilhão francês. Venha descobrir e se surpreender com os sabores franceses. A bientôt sur notre Pavillon”.   Nesta edição, a Business France contará com 9 empresas/ marcas francesas expositoras em seu Pavilhão. Veja abaixo as novidades sobre cada uma delas:   -   Bridor: fabricante de folhados de manteiga fina da França, pães assados em forno de pedra, confeitaria fina e congelados de alta qualidade. Atendimento para os profissionais de hotéis, restaurantes, supermercados e delicatessen; www.bridordefrance.com - Château de Brigue: propriedade mantida sob gestão familiar da Terceira geração. Com uma produção de 85 hectares, os quatro irmãos Brun produzem 90% de Rosé na principal denominação da região AOP Côtes de Provence; www.chateaudebrigue.com - Chocolat Mathez: criada em 1934 por Alaüs Mathez, é hoje líder no Mercado nacional e internacional. A única empresa do mundo especializada em trufas produz mais de 50 sabores e diversas variedades de chocolate. Suas trufas são elaboradas com ingredientes altamente selecionados e surpreendem até os paladares com o mais alto nível gustativo; www.mathez.fr - Pâtisseries Gourmandes: empresa familiar especializada na fabricação e distribuição de bolos e biscoitos. Os produtos são reconhecidos nos canais de varejo, do food service e de distribuição da França e do mundo todo, graças à seleção das melhores receitas tradicionais da Bretanha. Sua gama de biscoitos amanteigados é apreciada e aprovada por seus clientes no exterior por suas receitas e embalagens atraentes. As belas latas de galettes amanteigadas são perfeitas para um presente com “toque francês”; www.patisseriesgoumrandes.com - Producta: negociante de vinhos que representa atualmente 28 adegas cooperadas, são aproximadamente 2500 viticultores de todas as apelações do sudoeste da França. É pioneira na distribuição de vinhos junto às redes de supermercados da França. Os vinhos de Bordeaux estão entre os seus primeiros fornecedores. Propõe aos seus clientes 50 apelações da região Aquitaine. Exporta para Ásia, Américas, Rússia, Leste Europeu, Escandinávia e Europa; www.producta.com - Skky Innovations: Lançará na Apas 2 tipos de energéticos e cervejas, produzidos no Brasil, com aromas suaves e ingredientes de alta qualidade, criando a marca Brasilidade . A Skky Innovations propõe um sistema inovador de lacre abre-fecha, que conserva o gás das bebidas ; www.skky-innovations.com - St Michel: fundada em 1905, é uma empresa familiar especializada em biscoitos e conhecida pela famosa galette amanteigada de receita tradicional desde a sua criação. Seus produtos são fabricados na França em uma das 8 unidades, todos os biscoitos e doces são produzidos sem óleo de palma, sem gordura hidrogenada, corantes, conservantes, e com ovos caipira; www.stmichel-biscuit.fr - Les Vins Breban: desde 1952, elabora e oferece uma grande diversidade de vinhos da região Provence. É um grande especialista da região em espumante de qualidade; www.vinsbreban.com - UG Bordeaux: é um escritório comercial da Union de Guyenne e de um grupo de exportadores franceses que representam uma gama de vinhos de todas as regiões produtoras da França. Oferece um serviço de consolidação de containers entre vários importadores de um mesmo Estado, e também assessoria logística e burocrática do seu projeto de importação de vinhos franceses.   Serviço: APAS 2016 Data: de 2 a 5 de maio de 2016 Local: Expo Center Norte Endereço: Rua José Bernardo Pinto, 333 - Vila Guilherme - São Paulo   – SP   Sobre a Business France Business France é a agência nacional de apoio à internacionalização da economia francesa, responsável por impulsionar o crescimento das exportações de empresas francesas, bem como prospectar e facilitar os investimentos estrangeiros na França. Ela também promove a atratividade e a imagem econômica da França, suas empresas e seus territórios. Presente em 80 países, na América Latina, a Business France  encontra-se no Brasil (São Paulo e Rio de Janeiro), na Argentina (Buenos Aires), no Chile (Santiago), na Colômbia (Bogota), no México (México) e com antena em Cuba (Havana). De modo geral, nossas empresas exportam para os principais mercados internacionais, como América do Norte, Ásia, Oriente Médio ou América do Sul.   http://www.youbuyfrance.com/br/ https://twitter.com/BF_Brazil

So french so good! Ou o toque francês nos produtos gourmets.

Catherine Ferrão - 17-juil.-2014 15:50:13
Entrevista Christophe Monnier, Chefe do Departamento Produtos e Segmentos Alimentícios da UBIFRANCE Com a França sendo o reino da gastronomia, a cultura das papilas irradia mundialmente no plano econômico. O setor de produtos gourmets francês representa 7 bilhões de euros, engloba 250 categorias, ou seja, 16% do total das exportações agrícolas e alimentícias francesas. E 1.200 empresas, das quais 90% são PME’s, dedicam-se à exportação. O que torna os produtos franceses tão atrativos? Christophe Monnier, expert do setor gastronomia da UBIFRANCE, diz tratar-se de um segmento dinâmico, com uma linha de produtos gourmets ampla e diversificada. Panificação-confeitaria, bolachas, chocolates e queijos especiais são as principais categorias de produtos exportados. A França distingue-se em duas frentes:    -    Respeito absoluto pelo sabor, autenticidade e tradição do «terroir français». Cada produto é único, com sua história própria, sua comercialização adaptada. Sensibilização profunda dos profissionais em relação aos problemas de saúde e ambiental. Os produtos gourmets franceses são cuidadosamente preparados respeitando-se a rastreabilidade, coferindo às marcas francesas confiança e reconhecimento no mundo inteiro. Grandes nomes do setor gastronômico francês: Valrhona (chocolates de alta qualidade), Rougié (célebre foie gras francês), Bridor (panificação francesa), Boirons (frutas e legumes, geleias) e inúmeras outras empresas francesas são extremamente atuantes e empenham-se em sê-lo cada vez mais, para servir uma clientela internacional exigente. O departamento de Christophe Monnier assessora todos os anos mais de 800 empresas na realização de missões de prospecção, no âmbito de programas como «Saveurs de France», através dos quais os exportadores franceses ganham visibilidade em novos mercados: América Latina ou Ásia, ali expondo seu know-how. É a oportunidade para que os importadores e contatos locais encontrem as empresas francesas por ocasião de reuniões nas quais os participantes são cuidadosamente selecionados para maximizar as chances de sucesso. Os fornecedores franceses de produtos gourmets dão maior ênfase ao mercado francês e zonas francófonas. No entanto, foi difícil crescer em 2013 em países como a Suíça (0,4%) e a Bélgica (4,2%), cujas oportunidades estão relativamente saturadas. Incentivadas pela emigração em Londres, as empresas francesas mais intrépidas atravessaram o Canal da Mancha, incrementando o crescimento do setor de produtos gourmets no Reino Unido (8.9%). As empresas inovadoras, por sua vez, foram além destes mercados tradicionais, lá onde os índices de crescimento atingem dois dígitos: Áustria (17,1%), Rússia (13,5%). Na realidade, quanto mais longe os exportadores vão, mais eles são recompensados. Na Ásia, os índices de crescimentos explodiram: China 33.3 %, Singapura 14,3%, Hong Kong 12,8%. Segundo Christophe Monnier, as três prestigiosas vitrines dos talentos franceses são: o SIAL e o EUROPAIN , por um lado, conhecidos por serem espaços onde ocorrem as transações, em particular de produtos de consumo. O Sommet Cuisine no SIRHA em Lyon, por outro lado, evento culinário de vanguarda, pois todo o know-how francês da gastronomia encontra-se mobilizado para uma experiência cada vez mais excepcional em um espaço de 40.000 metros quadrados. Este evento é conta com o prestigioso prêmio "Bocuse dOr", concurso de cozinha disputado entre os chefs mais renomados do mundo, representando seus países respectivos. Premia-se a excelência criativa, os ingredientes fabulosos e o talento culinário! Para mais informações sobre as empresas francesas, consulte o anuário YOU BUY FRANCE em ubifrance.com: > Panificação, alimentação fina , confeitaria e diversos produtos gourmets e gastron ômicos

Le Petit Baile da Bastille

Catherine Ferrão - 10-juil.-2014 19:43:17
No dia 11 de Julho, acontece a segunda edição do “Le Petit Baile da Bastille” em São Paulo, por ocasião da Festa Nacional Francesa que comemora a queda da Bastilha, evento fundador da Revolução Francesa. O Cônsul Geral da França, Damien Loras, apresenta este ano o evento, organizado pela agência de eventos franco-brasileira “Pardon My French”, no Pavilhão das Culturas Brasileiras. O Petit Baile da Bastille celebra a excelência, o bom gosto e a criatividade francesa, para convidados brasileiros e franceses. A escolha de realizar a segunda edição do “Petit Baile” no Pavilhão das Culturas Brasileiras reforça o objetivo de intercâmbio cultural do evento. O Pavilhão faz parte do conjunto de espaços históricos do Museu da Cidade de São Paulo dirigido pelo filósofo e crítico de arte Afonso Luz. O edifício de 11 mil metros quadrados, projetado por Oscar Niemeyer nos anos 1950, vai reunir grandes nomes franceses das artes da mesa, da cultura e da elegância, misturando também tradição e inovação com talentos brasileiros. Na gastronomia, receitas francesas com um toque brasileiro e receitas brasileiras com um toque francês; chefs renomados, entre eles, Erick Jacquin, Raphael Despirite, Julien Mercier e Danielle Dahoui; a exclusividade dos melhores vinhos franceses, “food trucks” e um bar de champagne. Atrações musicais, experiências estéticas e de entretenimento também irão percorrer a programação do evento. Entre os parceiros do “Petit Baile”, participam mais de 40 empresas francesas instaladas no Brasil. Uma grande festa que revisita o modelo do “Petit Baile” realizado em 2013 no Sesc Pompéia, com a presença de formadores de opinião e personalidades francesas e brasileiras. Cronograma do 11 de julho (sexta-feira): Das 19 às 20:30 horas - Happy hour Das 20:30 às 21 horas - Bem-vindas do Cônsul e Hinos do Brasil e da França a capella Das 21 às 2 horas - A festa   A agência Pardon My French: A produtora Sabine Diamant e a diretora artística Céline Fakhouri realizam trabalhos há mais de 15 anos entre a França e o Brasil. Criaram em 2013 a marca de comunicação e eventos “Pardon My French” para assinar a primeira criação conjunta: o festival Le Petit Baile da Bastille. Atualmente elas oferecem suas competências complementares, eficazes e criativas para marcas parceiras em Paris e São Paulo.  

Hotelaria francesa: oportunidades de negócio para redes estrangeiras

Fernanda Krueger - 06-févr.-2013 11:32:03
Janeiro de 2013 – Principal destino turístico mundial - 80 milhões de visitantes estrangeiros em   2011- a França tira partido de sua riqueza cultural, gastronomia e art de vivre, além de um patrimônio arquitetônico e paisagens de rara diversidade. Quinta potência econômica mundial, ela também é um destino privilegiado do turismo de negócios. Mais de 500 eventos, congressos e salões recebem cerca de 20 milhões de visitantes por ano. Encontros esportivos ou culturais conduzirão ao crescimento da capacidade hoteleira do país: Marselha é a capital cultural europeia em 2013; a região de Caen receberá os Jogos Equestres Mundiais em 2014, nas preliminares da Eurocopa em 2016 e da Ryder Cup, nos arredores de Paris, em 2018. A oferta de serviços turísticos enriqueceu-se, através, especialmente, da mudança na classificação dos hotéis. A França conta com 17.000 estabelecimentos classificados, oferecendo um total de 600.000 quartos. A nova estrutura prevê 5 estrelas (ao invés de 4, até então), sendo que a categoria «Palace» aplica-se a alguns dos estabelecimentos 5 estrelas. O território francês possui sítios históricos disponíveis para comercialização, geralmente localizados no centro das cidades, que são, ou poderão ser transformados em hotéis, dentre os quais o Palácio de Justiça de Nantes, a sede da polícia de Estrasburgo e os hospitais de Lyon e Marselha. O potencial turístico da França levou os principais grupos hoteleiros mundiais a multiplicar seus estabelecimentos. O grupo Accor, 5º grupo hoteleiro mundial e líder no mercado francês, dispõe de 1.489 hotéis. Os investimentos estrangeiros aumentaram, tendo como exemplos: - Louvre Hotels group, de propriedade do fundo americano Starwood Capital, conta com 800 hotéis na França; - Best Western, marca de origem americana, dispõe de 310 hotéis na França; - Choice Hotels, rede de franquia americana, possui 140 hotéis na França; - IHG, grupo britânico, líder mundial em hotelaria, conta com 60 hotéis na França. No segmento luxo, a abertura em Paris do primeiro estabelecimento europeu da cadeia chinesa Shangri-La Hotels & Resorts, em 2010, como a do Mandarin Oriental, em 2011, administrado pelo grupo chinês Jardine Matheson e a do primeiro estabelecimento europeu da marca chinesa Península em breve, marcam a chegada dos investidores asiáticos, alguns já interessados em outras grandes cidades francesas. Segundo um estudo de mercado sobre a hotelaria europeia recentemente publicado pela PricewaterhouseCoopers (PWC), Paris deverá ser a metrópole que registrará os melhores resultados operacionais dentre as grandes cidades europeias em 2013. David Appia, Presidente da Agência Francesa para Investimentos Internacionais (AFII), destaca que «a França, primeiro destino turístico mundial e segundo mercado da Europa, oferece múltiplas possibilidades de desenvolvimento para as grandes marcas internacionais da hotelaria, combinando dinamismo de negócios e potencial turístico inigualável. Os investidores europeus, americanos e asiáticos, cuja presença reforça a oferta hoteleira em Paris e nas regiões francesas, não estão enganados». A Agência Francesa para Investimentos Internacionais (AFII) é a agência nacional encarregada da prospecção e recebimento dos investimentos internacionais. A AFII é o órgão de referência em atratividade e imagem econômicas da França. A AFII conta com uma rede internacional e trabalha em parceria estreita com agências regionais de desenvolvimento econômico para oferecer um serviço personalizado aos investidores estrangeiros. Para maiores informações, entre em contato com François Removille, Diretor Geral da AFII no Brasil, francois.removille@investinfrance.org ou acesse o site www.investinfrance.fr/pt . Assessoria de Imprensa Ubifrance Brasil: Fernanda Krueger Assessora de Imprensa UBIFRANCE Brasil • Escritório de São Paulo Embaixada da França no Brasil Rua Marina Cintra, 94 01446-901 • São Paulo • SP Tel.: (11) 3087 3123 / Fax: (11) 3087 3101 fernanda.krueger@ubifrance.fr UBIFRANCE Agência francesa para o desenvolvimento internacional das empresas www.ubifrance.fr Blog Ubifrance Brasil: http://www.ubifrance.com/br/    Twiter Ubifrance Brasil: @UbifranceBr    

Encontro gourmet em São Paulo

Fernanda Krueger - 02-juil.-2012 20:02:32
Por ocasião do lançamento do SIAL Brazil – edição brasileira do Salão Internacional da Alimentação, a Paris Region Economic Development Agency (PREDA) realizou, no dia 26 de junho de 2012, um evento gourmet à francesa em São Paulo. Este evento, que promoveu a integração entre profissionais brasileiros e franceses, teve como objetivo destacar as várias oportunidades de negócios oferecidas às empresas brasileiras pela região de Paris e seus salões dedicados à agroindústria e indústria alimentícia. Vieram de Paris para o encontro com profissionais brasileiros: Jean-Luc Margot-Duclot, Vice-Presidente Executivo Sênior da PREDA, Valerie Lobry, Diretora Geral – Divisão Agricultura & Alimentação da Comexposium que representa diversos salões líderes do setor, bem como Olivia Milan-Grosbois, Diretora do SIAL group. Durante seu discurso, Jean-Luc Margot-Duclot lembrou que os mercados brasileiro e francês oferecem excelentes oportunidades de negócios para as empresas dos dois países, como comprova o número crescente de brasileiros presentes nos salões parisienses. Jean-Luc Margot-Duclot também ressaltou o papel dos salões da região Ile-de-France como plataformas mundiais da inovação, observatórios de tendências e propulsores de negócios. Paris – ponto alto da gastronomia mundial – reúne uma oferta única no mundo, composta por 14 salões líderes ligados à agroindústria e indústria alimentícia dos quais se deve participar para estar em sintonia com o mercado mundial. Valérie Lobry agendou um encontro com os profissionais brasileiros do setor em Paris, de 21 a 25 de outubro próximo, por ocasião do SIAL Paris. Ela anunciou a realização de uma edição ainda mais abrangente com possibilidades de negócios otimizadas graças a setores revisitados, uma gama completa composta por 6.000 expositores aguardados - 80% de estrangeiros originários de mais de 106 países, visitantes implicados e dispostos a negociar – 140.000 profissionais previstos provenientes de 200 países – uma participação brasileira em ascensão e, mais do que nunca, a presença da inovação como tema do salão. Uma edição decididamente voltada para os grandes desafios enfrentados pelos profissionais da alimentação no mundo. A diretora citou ainda os outros eventos do setor: IPA, Salão Internacional do Processamento e Acondicionamento de Alimentos (21.10.-25.10.2012), In-Food, Salão de Produtos Alimentícios Intermediários, Ingredientes, Aditivos e Terceirização Industrial (21.10.-25.10.2012), Emballage, Salão Internacional da Embalagem (19.11.-22.11.2012), SIAL, Salão Internacional da Agricultura (23.02.-03.03.2013) e SIMA, Salão Internacional de Máquinas Agrícolas (24.02.-28.02.2013).  Tendo em vista os desafios atuais da agroindústria e indústria alimentícia, estes salões parisienses com participação internacional representam incontestavelmente uma plataforma ideal para conquistar os mercados francês e europeu, conhecer as tendências futuras e estar em contato com as personalidades internacionais do setor. Principal região do mundo na área de organização de salões internacionais e congressos, a região de Paris acolhe anualmente mais de 440 salões, dos quais participam 10 milhões de visitantes profissionais e 100.000 empresas expositoras, que fazem de Paris o principal destino de negócios na Europa. Com mais de 666.700 m² de área bruta de exposição, a região também oferece a principal área de exposição do mundo.  
Conheça nossa equipe
  Richard Gomes - Diretor Business França América Latina. Depois de completar seu VIA no Brasil em 1996, Richard Gomes ocupou vários cargos de Direção no setor das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) na França, Portugal e Califórnia. Ele liderou o departamento de Novas Tecnologias, Inovação e Serviços em Ubifrance, em Paris, de 2009 a 2012 e foi Diretor de Negócios França-Península Ibérica de 2012 a 2017, antes de retornar ao Brasil em setembro de 2017. Sua experiência em TIC, bem como seu bom conhecimento sobre o ambiente tecnológico francês e americano, permitiram que ele fosse eleito entre as 100 personalidades digitais na França pela revista 01Informatique (novembro de 2010). Richard possui um DESS em Bancos e finanças e mestrado em economia e finanças internacionais pela

Leia mais

Facebook
Area de Imprensa & Mídia
Lista de últimos comentários

Excelente evento! Parabéns pela org...

Mauro Henrique Pereira | octobre 22, 2014

O Seminário foi um sucesso. Parab&#...

Peter Alouche | mars 26, 2013

Parabenizo à UbiFrance pela realiza...

Marcelo Sakai | Covoiturage/Caronas | djengo.com.br | mars 19, 2013