BUSCA RESULTADOS

Balanço 2018 dos Investimentos Estrangeiros na França

Vera dos Anjos - 16-avr.-2019 20:38:40
  INVESTIMENTOS ESTRANGEIROS CRESCEM NA FRANÇA EM 2018 O "Balanço de 2018 para os investimentos internacionais na França", publicado hoje, em Paris, confirma a confiança renovada dos investidores estrangeiros para investirem na França. Os números foram revelados em uma coletiva de imprensa realizada pelo Ministro da Economia e das Finanças, Bruno Le Maire em Bercy, na presença do CEO da Business France, Christophe Lecourtier e de Pascal Cagni, Embaixador Delegado para Investimentos Internacionais. Em 2018, 1.323 decisões de investimentos foram registradas, revelando aumento de 2% com relação a 2017 (1.298), o que permitiu  a criação ou manutenção de 30.302 empregos. Em média, 25 decisões de investimentos foram registradas na França a cada semana, no ano passado. As decisões de novas implantações aumentaram em 14% em 2018. Foram 741 decisões em 2018, contra  651 em 2017, o que representa mais de metade dos investimentos (56%). Esse aumento nas decisões de abertura de novos estabelecimentos no país reflete o fortalecimento de sua atratividade. Foram 500 extensões de projetos existentes, criando 15.588 empregos (ou seja, 50% de todos os empregos criados por investimentos estrangeiros) em 2018, contra 551 projetos e 12.855 empregos em 2017. Deve-se notar que 78% das atividades de produção correspondem a extensões de projetos. As empresas estrangeiras continuam investindo em atividades produtivas com 320 projetos, gerando ou mantendo 11.295 empregos em 2018. Essas atividades são as maiores geradoras de emprego, representando 37% do total e um quarto do conjunto dos investimentos. "A melhoria da imagem da França se traduz em investimentos significativos em atividades industriais. Testemunhando a dinâmica das empresas multinacionais estrangeiras na indústria estão: a Collins Aerospace, líder mundial americana em sistemas e soluções de tecnologia para a indústria aeronáutica, que investiu mais de 18 milhões de euros na Occitânia; a empresa canadense Robotiq, que projeta e fabrica componentes para robôs colaborativos (mãos robóticas), se implanta em Lyon para brilhar na Europa; ou ainda o grupo agroalimentar japonês Takara Foods, que anunciou a implantação de uma fábrica de "lámen" com um investimento de 1,6 milhões de euros e muito mais ", disse Christophe Lecourtier. As decisões de investimentos nas áreas de P&D, engenharia e design estão em constante progressão (+3%), com 129 projetos e 2.793 postos de trabalho em 2018, contra 2.282 em 2017. Observemos que os investimentos em P&D correspondem a 58% das implantações de novos centros. As empresas americanas destacam-se por seu envolvimento em P&D: elas representam mais de um quarto das decisões registradas nessa função e 21% dos empregos associados. "Em termos mundiais, a França confirma que se encontra entre os grandes players em termos de inovação. As atividades de P&D aumentaram numa taxa média de 9% nos últimos cinco anos e hoje representam 10% do total de investimentos. A cada ano, os gigantes globais da Tecnologia (Cisco, Google, Facebook ...) reforçam sua presença na França ", confirma Pascal Cagni. Os investimentos europeus continuam predominantes: 61% dos investimentos estrangeiros geradores de empregos na França são de origem europeia, contra 58% em 2017. Mas olhando detalhadamente, na classificação por origem das empresas, os principais países investidores são: Estados Unidos, com 18% das empresas investidoras (mesmo nível de 2017), Alemanha, com 14% das empresas e Reino Unido, com 9% das empresas.    OS INVESTIMENTOS PROVENIENTES DA AMÉRICA LATINA TAMBÉM FORAM MUITO DINÂMICOS EM 2018 Em 2018, 15 novos investimentos geradores de emprego, oriundos da América Latina foram identificados, permitindo a criação ou a manutenção de 198 vagas de empregos. Esses projetos são originários principalmente do Brasil (8 projetos), da Argentina (2 projetos) e do México (2 projetos). São sobretudo centros de decisão (73% dos projetos e 63% dos empregos) e unidades de produção (13% dos projetos e 30% dos empregos).   Em termos de setores de atividades, esses investimentos referem-se principalmente aos setores de consultoria e engenharia (27% dos projetos e 35% dos empregos), softwares e serviços de TI (20% dos projetos e 14% dos empregos) e perfumes e cosméticos (13% dos projetos).   Tais projetos localizam-se principalmente nas regiões de Île-de-France (47% dos projetos e 48% dos empregos) e em Auvergne-Rhône-Alpes (27% dos projetos e 15% das vagas de trabalho).    No total, mais de cem empresas francesas são controladas por um investidor da América Latina, empregando cerca de 7.000 pessoas na França. EXEMPLOS DE PROJETOS DE INVESTIMENTOS LATINO-AMERICANOS NA FRANÇA – 2018  Globant: unicórnio argentino, a empresa de serviços de TI (pure-player  digital) tem a ambição de se estabelecer como líder de mercado em estratégia digital. Desenvolvendo projetos com diversos grupos na França, ela deve criar 50 empregos na região de Île-de-France.  Go Gaba: a startup mexicana desenvolveu uma bebida estimulante que facilita a concentração, graças a um produto natural, abriu uma filial na região de Île-de-France. Este escritório contará com cerca de dez pessoas. Marq Consultoria: esta PME brasileira especializada em gestão de negócios e sistemas de informação,  abriu sua sede europeia em Lyon (Auvergne-Rhône-Alpes), com 10 postos de trabalho. A CSMARQ será encarregada da expansão da empresa no mercado da indústria hoteleira na Europa que se encontra em plena revolução digital. RiskNow: A FinTech brasileira oferece uma plataforma de gestão e análise de risco ligada aos créditos imobiliários, para facilitar a tomada de decisões por parte dos investidores. A empresa abriu seu escritório europeu em Paris (atividades comerciais e de P&D em inteligência artificial). Ao todo, 15 vagas de trabalho serão criadas. Sigdo Koppers: o grupo chileno decidiu aumentar em 50% a capacidade de produção de sua subsidiária francesa Davey Bickford Enaex, que criará cerca de sessenta empregos. Com sede em Héry (Bourgogne-Franche-Comté), esta empresa de 600 pessoas é o especialista mundial em detonadores e dispositivos de arranque utilizados na mineração, defesa, aeronáutica, espacial e em pirotecnia.   Tenha acesso ao Balanço completo em:  https://www.businessfrance.fr/discover-france-news-business-france-publishes-2018-annual-report   Sobre a Business France  Business France é a Agência Nacional de apoio à Internacionalização da economia francesa. Está encarregada do desenvolvimento internacional das empresas francesas e de suas respectivas exportações, bem como da promoção e do apoio aos investimentos estrangeiros na França.  Ela promove a imagem econômica e a atratividade internacional da França, de suas empresas e de  seus territórios. Ela gerencia e desenvolve o Voluntariado Internacional nas Empresas - V.I.E. A Business France dispõe de 1.500 colaboradores, localizados na França e em outros 58 países. Business France é no Brasil a porta de entrada para a Team France Export. Graças aos seus dois escritórios em São Paulo e no Rio de Janeiro, a equipe da Business France (30 pessoas) acompanha cada ano mais de 350 empresas. Ela trabalha com sua rede de escritórios na América latina (Argentina, Chile, Colômbia e Mexico) e se apoia em parceiros públicos e privados.  Para mais informações www.businessfrance.fr      Siga-nos pelas redes sociais: Twitter: @BF_Brazil  e LinkedIn : Business France Brazil   Contato Imprensa: BUSINESS FRANCE/ BRASIL Vera Lucia dos Anjos Gerente de Comunicação e Marketing Tel. : (011) 30 87 31 22 E-mail : vera.dosanjos@businessfrance.fr  

Relatório sobre a internacionalização da economia francesa – Balanço de 2017

Vera Dos Anjos - 04-avr.-2018 23:13:47
      RELEASE As empresas estrangeiras confirmam cada vez mais a escolha  da  França para suas implantações na Europa   Brasil se destaca na América Latina: é o primeiro país em número de investimentos  na  França  com  14 projetos, seguido pelo México com 7 projetos.   Paris, 03 de abril de 2018.     O "Relatório sobre a internacionalização da economia francesa – Balanço de 2017 dos investimentos estrangeiros na França", confirma a confiança renovada dos investidores estrangeiros na França. Os números foram revelados em uma coletiva de imprensa realizada na sede da empresa americana Cisco, nos arredores de Paris, pelo ministro da Economia e Finanças, Bruno Le Maire e pelo Diretor Geral da Business France, Christophe Lecourtier. Em 2017, foram 1.298 decisões de investimentos na França, ou seja, um crescimento de 16% em relação a 2016 - uma média de 25 decisões por semana, que criaram ou mantiveram 33.489 postos de trabalho. 412 novas empresas decidiram escolher a França para desenvolver suas atividades, o que representa 32% do total dos projetos. Deve-se notar que 50% dos investimentos correspondem a aberturas de novos negócios (+14% em relação a 2016) e que 42% dos investimentos são extensões da atividade de negócios existentes (+ 22% em relação a 2016). "Este aumento do número de decisões de investimentos e do número de empregos ressalta a expansão da confiança em relação a uma França em movimento. A imagem econômica do nosso país está claramente em alta: de acordo com o estudo realizado pela Kantar Public para a Business France, 84% dos investidores estrangeiros (+ 10% em relação a 2016) julgam a economia francesa "atraente", assinala Christophe Lecourtier, Diretor Geral da Business France. As empresas estrangeiras investem principalmente em atividades de produção. Estas somaram 343 decisões de investimento em 2017 e criaram 16.123 empregos, o que representa 26% de todos os investimentos (e um aumento de +23% em relação a 2016). Os investimentos realizados pelas empresas alemãs (1º investidor de produção), americanas, italianas e belgas respondem por quase metade dos investimentos no setor de produção. Os projetos de pesquisa & desenvolvimento e engenharia respondem por 10% de todos os projetos, com 125 decisões de investimento (um aumento de 9% em relação a 2016). Em escala mundial, a França está entre os principais países inovadores, como demonstrado por vários rankings internacionais, tais como o Deloitte Technology Fast 500 EMEA 2017, onde a França ocupa a primeira posição. A pesquisa da Kantar Public 2017 também aponta que 81% dos investidores estrangeiros consideram a inovação francesa como uma vantagem competitiva.  Os países europeus continuam sendo os principais investidores na França, com 58% de todas as decisões de investimento, seguidos pela América do Norte, com 23% e Ásia, com 13%. Esta última região permanece estável, com exceção da Índia, que registrou o maior aumento dos investimentos entre os países emergentes, + 73%. Os Estados Unidos ocupam o primeiro lugar, com 230 projetos, representando 18% de todos os investimentos. O país contribui, sozinho, através de suas subsidiárias, com um quarto dos investimentos em P&D. A diversidade dos territórios da França é um fator de atratividade. As atividades de produção estão concentradas nas regiões de Auvergne-Rhône-Alpes, Grand Est, Hauts de France e Occitanie; os projetos de logística estão localizados em Ile-de-France, que atrai 45% dos empregos criados neste setor; e os investimentos em atividades de P&D foram particularmente dinâmicos nas regiões de Auvergne-Rhône-Alpes, Bourgogne-Franche-Comté, Bretagne e Hauts-de-France. Os investimentos originários da América Latina também foram muito dinâmicos em 2017! Cerca de cem empresas latino-americanas estão presentes na França, onde empregam cerca de 5.700 pessoas. Elas investiram um total de 1,4 bilhões de Euros no país. Em 2017, foram identificados 22 novos investimentos provenientes da América Latina. Trata-se principalmente de centros de decisão (64% dos projetos e 70% do emprego), incluindo a criação de duas sedes mundiais / europeias. Em termos de setores de negócios, esses investimentos são principalmente nos setores de software e serviços de TI (18% dos projetos), consultoria, engenharia (18%) e perfumaria e cosméticos (14%). Estes projetos estão localizados principalmente em Ile-de-France (36% dos projetos e 58% dos empregos). O Brasil se destaca na América Latina: é o primeiro país em número de investimentos na França (14 projetos), seguido pelo México (7 projetos). Dentre os investimentos do Brasil na França, podemos destacar: Sislor: empresa brasileira de engenharia especializada na concepção e desenvolvimento de tecnologias aplicadas à logística reversa para o tratamento de resíduos domésticos. A Sislor abriu sua primeira implantação em Rouen (Normandia), onde deve criar dez empregos em uma primeira fase.  MJV: empresa brasileira de consultoria em negócios, tecnologia e transformação digital voltada para questões de inovação, a MJV acompanhava seus clientes europeus a partir de Londres. Após o Brexit, a empresa abriu um escritório em Paris (Île-de-France) para se reposicionar. Um emprego foi transferido de Londres para Paris e uma dezena de contratações está sendo planejada. INNOVATEC’S: Criada em 2000, a empresa brasileira de biotecnologia e nanotecnologia Innovatec’s acaba de inaugurar sua primeira subsidiária europeia, a Nanoskin Medical’s, em Drulingen (Grand Est). Especializada em medicina regenerativa, a Nanoskin Medical’s deseja desenvolver estudos detalhados para o uso de células-tronco veiculadas por pele artificial. Esta subsidiária criará cinco empregos em três anos. "A Inovação e a produção ocupam um lugar de honra, além das vantagens estruturais reconhecidas de nosso país. A nova imagem da França, que se desenha há alguns meses, atrai investidores estrangeiros que decidem escolher a França para seus projetos na Europa. As equipes da Business France trabalham todos os dias para convencer esses investidores sobre a atratividade do nosso território. O apoio e assessoria da Business France e de seus parceiros regionais estão na origem de 677 decisões de investimento, representando mais da metade de todos os investimentos estrangeiros em 2017 ", disse Christophe Lecourtier, Diretor Geral da Business France.    Mais informações e entrevistas:  Serviço de Imprensa da Business France no Brasil  Vera dos Anjos  Mtb: 14.534 vera.dosanjos@businessfrance.fr Tel: (11) 3087 3122   Sobre a Business France Business France é a agência nacional de apoio à internacionalização da economia francesa, responsável por impulsionar o crescimento das exportações de empresas francesas, bem como prospectar e facilitar os investimentos estrangeiros na França. Ela promove a atratividade e a imagem econômica da França, suas empresas e seus territórios. A Business France conta com 1.500 colaboradores, situados na França e em 70 países, que trabalham com uma rede de parceiros do setor público e privado.  Para mais informações, visite: www.businessfrance.fr  Acesse o documento em .pdf abaixo para obter a versão completa do texto.   

FRENCH TECH TICKET : O PROGRAMA FRANCÊS PARA STARTUPS INTERNACIONAIS

Gabriella Martins - 28-juin-2016 22:39:24
Após o sucesso da primeira edição, o programa French Tech Ticket está de volta para segunda temporada, com mais incubadoras espalhadas por toda a França preparadas para acolher os mais talentosos empreendedores, e com ainda mais benefícios que atendem às necessidades específicas das startups, incluindo um prêmio em dinheiro de  € 45,000 paras as ganhadoras. Enquanto que 23 projetos de startups, de mais de 700 inscritas, receberam o French Tech Ticket no ano passado, esse ano 70 projetos serão selecionados para participar de uma das 41 incubadoras-parceiras da França! Os projetos que receberem o French Tech Ticket serão revelados em dezembro para que a nova turma chegue à França em janeiro de 2017. E estamos felizes de anunciar que as inscrições já estão abertas! Empreendedores de todo o mundo poderão se inscrever até 24 de agosto de 2016. Então, o que os ganhadores do French Tech ticket podem esperar? O pacote de boas-vindas foi expandido para oferecer aos premiados o melhor começo possível na França, com uma combinação de financiamento, incubação, apoio e aconselhamento: - Financiamento: € 45,000 por time sem perda de capital (€ 20k para cobrir despesas pessoais e € 25k para cobrir serviços profissionais). - Permissão para Residência: Procedimento acelerado para a obtenção de uma permissão de residência francesa. - 12 Meses de Incubação: Espaço de escritório em uma das 41 incubadoras francesas parceiras. - Programa de Aceleração: Programa de aulas inaugurais sob medida, Eventos para Networking, Sessões de mentoramento. - Programa de Auxílio à Instalação: “Guia de Boas-Vindas” e ofertas especiais de nossos parceiros a fim de auxiliar os ganhadores a se instalarem facilmente na França. - Serviço de Suporte: Contato de assistência aos empreendedores estrangeiros para procedimentos administrativos.   Saiba mais sobre o programa e se inscreva agora! www.frenchtechticket.com   Dossiê (versão em inglês)     Vídeo de apresentação        

O mercado brasileiro de energia solar está decolando : é uma prioridade para a Business France Brasil

Marina Carrara - 18-mars-2016 16:20:46
Além da melhoria da sua competitividade no mercado mundial, a tecnologia fotovoltaica tem se beneficiado no Brasil de fortes incentivos que estão favorecendo seu desenvolvimento em larga escala. Com leilões específicos para a fonte, o Brasil contratou em 2014/2015 um total de 3 GW de grandes usinas, totalizando um investimento de 12 bi BRL. Espera-se que novos leilões sejam realizados com frequência para atingir uma potencia instalada de 7 GW em 10 anos, o que deve atrair novos investidores e incentivar a criação de uma cadeia industrial nacional.   O ano 2015 também testemunhou o potencial do Brasil para a micro-geração de energia solar por parte de grandes consumidores de energia. Usadas em telhados de condomínios ou galpões comerciais e industriais, essas instalações estão se tornando mais competitivas graças a uma regulação favorável, recentemente estendida, e pela alta das tarifas de energia: o número de instalações cresceu 300% em 2015 e atingiu 2000 no início deste ano. Um programa federal, o ProGD, deve definir novos incentivos com o objetivo de facilitar um investimento de 100 bi BRL e a instalação de 2,7 milhões de unidades (23,5 GW) até 2030.   Ciente do potencial do mercado para novas parcerias entre empresas francesas e brasileiras, a Business France tem se posicionado para atrair e apoiar a inserção de novos entrantes franceses no Brasil. Uma primeira missão empresarial em 2015 permitiu que uma parceria fosse concluída entre o Syndicat des Energies Renouvelables (SER) e a Associação Brasileira de Energia Solar (Absolar).   No final de Junho 2016, a Business France acompanhará uma delegação de empresas atuantes na área fotovoltaica, em parceria com o SER, na ocasião da Brasil Solar Power que acontece no Rio de Janeiro: serão organizados um Seminário franco-brasileiro de energia solar e um Pavilhão francês na feira, que devem reforçar a imagem da indústria francesa ao serviço do desenvolvimento da fonte no Brasil.                                   

E se deixarmos de lado todos os estereótipos da França?

Marina Carrara - 17-févr.-2016 14:39:37
Creative France surpreende introduzindo uma paisagem cheia de tesouros escondidos e inesperadas características engenhosas. Por um lado, um jardim tipicamente francês reflete a reconhecida excelência e expertise francesa. Por outro, destaca-se a criatividade, inovação, o desempenho tecnológico, compromisso e parcerias cooperativas da França. A cultura criativa francesa de fato existe, promovida por uma abordagem única combinada com       tecnologia de ponta, savoir faire e art de vivre, realismo e aplicações inovadoras. Tal combinação reflete a mudança na sociedade inspirada pelas suas raízes, mas impulsionada por seu espirito empreendedor. Desde a ideia até sua concretização, a criatividade francesa demonstra seu poder de enriquecer nossos cotidianos, melhorar a qualidade e sustentabilidade de produtos e serviços, e atuar na sociedade avançada. O design francês incorpora uma mistura ousada de cultura, economia e indústria ao posicionar instrumentos musicais ao lado de alicates cirúrgicos, alcançando um equilíbrio criativo reconhecido globalmente. Sem dar chance ao acaso, esta combinação canaliza suas habilidades e versatilidade para iniciar diálogos entre diferentes culturas profissionais. Grandes e pequenos projetos apresentados nesta exibição mostram uma aventura impressionante e revelam uma mensagem de otimismo e confiança. Desenvolvido pela Business France Site oficial: http://creative.businessfrance.fr/

La Galerie des Solutions: uma exposição única de soluções de baixo carbono em Bourget durante a COP21

Marina Carrara - 30-nov.-2015 19:21:54
De 2 a 9 de dezembro de 2015 no Museu do Ar e do Espaço de Bourget A Conferência do Clima (COP21), em Paris, neste dezembro, pretende chegar a um acordo internacional sobre o clima para dar prosseguimento ao Protocolo de Kyoto. Este acordo deve ser capaz de promover a redução das emissões globais de gás de efeito estufa de maneira a limitar a 2°C o aumento da temperatura média da Terra até o final do século em relação à era pré-industrial.   Nesse contexto, a Reed Expositions France organiza, em colaboração com a Secretaria Geral da COP21, La Galerie des Solutions, de 2 a 9 de dezembro de 2015, no Museu do Ar e do Espaço de Bourget. Criada para incentivar as negociações diplomáticas, La Galerie é uma exposição de soluções de baixo carbono, reservada exclusivamente a profissionais. Sua ambição é mostrar que existem soluções que devem ser difundidas.   Em uma área de 10.000 m ² com acesso a partir do Espaço Azul (espaço de negociações da COP), La Galerie apresentará, durante sete dias, soluções inovadoras desenvolvidas e aplicadas por empresas, setores ou administrações públicas com o objetivo de reduzir o impacto das atividades econômicas sobre o clima: equipamentos, tecnologias, novos modelos de organização, boas práticas reproduzíveis… Mais de 20.000 visitantes são aguardados: participantes da COP21 (chefes de Estado, ministros, delegações da ONU de 197 países), profissionais (dirigentes e formadores de opinião públicos e privados, delegações convidadas pelos organizadores…) e representantes da mídia (imprensa escrita, rádio, televisão, blogs).   Único espaço voltado a negócios da Conferência de Paris, La Galerie reunirá soluções exemplares nas áreas de energia de baixo carbono (eficiência energética, renováveis…), construção, transportes, água, agricultura, economia circular e indústria do futuro. Estas soluções são apoiadas pelos diversos parceiros da Galerie: Association Réseaux électriques intelligents smart grids France, Biogaz Vallée, Business France, CleanTech Open, CleanTuesday Investment, Club Ademe International, Coop de France, Fer de France, France Energie Eolienne, Institut national de l’énergie solaire, Les Eco Maires, Syndicat des Energies Renouvelables, Shift Project, Syntec Ingénierie, RTE, Transport Passion, Vivapolis… Da mesma forma, uma jornada França-China e uma jornada África serão realizadas. Mais de vinte países estarão presentes, dentre os quais: Argélia, Arábia Saudita, Camarões, Canadá, Chile, China, Costa do Marfim, Dinamarca, Emirados Árabes Unidos, Estados Unidos, Israel, Japão, Marrocos, México, Paraguai, Qatar, República do Congo, Tailândia, Taiwan, Chade, Tunísia e Vietnã. Mais especificamente, a Costa do Marfim, um dos países africanos mais atuantes em relação às questões climáticas, terá uma grande participação através de um estande que mostrará as iniciativas e projetos do país, uma transmissão no Estúdio de TV e a vinda de inúmeros participantes oficiais. Quanto ao país anfitrião, a oferta francesa terá, por sua vez, especial destaque em um espaço exclusivo no centro da exposição.   Já constam no programa as demonstrações de soluções – inclusive de veículos limpos em espaço externo exclusivo - e os eventos especiais, tais como as jornadas temáticas que fazem parte do planejamento global da COP21, programas e entrevistas com empresas em estúdio de TV (ex.: programação diária dedicada ao transporte, com a participação da Fer de France), percursos guiados e visitas in loco para delegações da ONU. Todas essas manifestações serão complementadas por acontecimentos prestigiosos – sessões de networking em lounge exclusivo, almoços de negócios, soirées VIP no coração de Paris - e entrega oficial de prêmios: a primeira edição dos Troféus Soluções Clima com o aval da COP21 e o concurso internacional Green Building Solutions Awards .     Site oficial: http://www.lagalerie-cop21.com/

A FRANÇA MAIS UMA VEZ NA IN-COSMETICS BRASIL 2015

Marina Carrara - 10-sept.-2015 19:34:52
Dias 30 de setembro e 1º de outubro, no Expo Center Norte, São Paulo A França estará presente na In -COSMETICS BRASIL 2015, repetindo o sucesso de sua participação em 2014. Terceiro maior fornecedor de matérias-primas para o Brasil e c ampeã na produção de perfumes, maquiagem, produtos de higiene e capilares, a França traz ao Brasil 9 empresas que apresentarão seus produtos no Pavilhão Francês (stand D11) , organizado pela Business France – Agência francesa a serviço da internacionalização da economia, como apoio da Air France . Dotadas de um “savoir-faire” que engloba todo o processo de fabricação de produtos ligados ao setor cosmético, estas empresas trarão para a IN-COSMETICS BRASIL suas últimas inovações, direcionadas não apenas à indústria cosmética, mas também às indústrias farmacêutica e alimentícia – que possuem certificação tanto em termos de origem, quanto de aplicação.  A oferta francesa é extremamente rica em ingredientes convencionais além dos produtos orgânicos, de origem certificada, cuja presença é cada vez mais frequente neste mercado.                   Conheça a seguir as novidades trazidas pelas empresas francesas neste evento: (* pela primeira vez no Brasil) ARGILE DU VELAY*: www.argileduvelay.com Argile du Velay faz uso de sua experiência de mais de 30 anos com argilas para sugerir um painel de argilas coloridas como ingredientes cosméticos. A empresa conta com seu próprio depósito de argila verde na França. Graças a sólidas parcerias com outras empresas de extração do material, a empresa também transforma outras argilas e com isso consegue controlar perfeitamente a conformidade com relação à regulamentação cosmética. BIOSYNTHIS: www.biosynthis.com Empresa francesa especializada em ingredientes renováveis e biodegradáveis para a indústria cosmética. A BIOSYNTHIS apresenta inovações enquanto oferece uma ampla gama de soluções "VERDES" renováveis: Bio-solventes, ceras "verdes", hidrocarbonetos "verdes", Fitoquímicos, Emulsionantes “EO-Free", Tensoativos verdes e suaves renováveis, agentes umectantes... Possui tecnologias exclusivas de microcápsulas, sem formaldeído, para tecidos cosméticos, detergentes, cuidados pessoais, que oferecem a possibilidade de encapsular os ingredientes solúveis e inverter a solubilidade da fase interna (glicerina tornando-se "óleo dispersivo”).   DERMSCAN(*): www.dermscan.com Especialista em ensaios clínicos , celebra o seu 25º aniversário! Certificada com ISO 9001 em 2008 avalia a segurança, a tolerância e a eficácia dos cosméticos, matérias-primas, produtos acabados, suplementos alimentares, dispositivos médicos, etc. Com instalações na França, Polônia, Tunísia, Tailândia e parcerias internacionais, a empresa consegue fornecer painéis multiétnicos para a realização de ensaios clínicos. Também realiza testes pré-clínicos in vitro em seu novo laboratório, certificado GLP. G.I.M.T. (Groupement interprofessionnel du Monoï de Tahiti) : www.monoi-institute.org Oriundo de tradições milenares, o Monoi de Tahiti, óleo sagrado dos polinésios, é bem mais que um tratamento natural. É utilizado em produtos para cuidados corporais, capilares, solares, e bem estar (spas), constituindo um precioso concentrado de sensualidade, naturalidade e autenticidade. Fundado em 1992 pelos principais produtores de Monoï de Tahiti, o Institut du Monoï reúne os melhores especialistas da região. Com mais de 20 anos de experiência, o conglomerado atua para que o Monoï de Tahiti seja mundialmente conhecido. No ano 2014, 13 milhões de produtos utilizando o Monoï de Tahiti foram vendidos. 350 marcas foram certificadas “denominação de origem”, pelo Instituto, o que garante a qualidade e a autenticidade do puro Monoï de Tahiti.   INTERPOLYMER(*): www.interpolymer.com Fabricante de dispersões de estireno-acrílico à base de água, dispersões de polímeros acrílicos puros e dispersões de cera. Sua linha de produtos para o mercado de cuidados pessoais inclui formadores de filme para cosméticos coloridos (sombras de olhos, BB Cream, máscaras, delineadores, corantes de lábio, base...), esmaltes de unha à base de água, impulsionador de SPF, firmador para a pele, condicionador para a pele, opacificantes e intensificadores de cuidados para cabelos. A INTERPOLYMER produz o SYNTRAN®: polímeros formadores de película que se vinculam a diferentes matérias-primas, tais como pigmentos, preenchedores, emolientes, óleos, ceras, silicones e muitos outros. E possível controlar suas formulações em relação à viscosidade, não-transferência, flexibilidade, desgaste, brilho, resistência à água e aderência. LESSONIA: www.focusquimica.com Líder em esfoliantes naturais, a empresa processa cerca de 50 materiais naturais oriundos de plantas e minerais. O Celluloscrub é a última inovação feita pela Lessonia e ganhou o “Green Ingredient Award” durante a última In-Cosmetics em Barcelona, em Abril de 2015. E ste produto biodegradável e de fonte renovável é usado para substituir o polietileno em formulações esfoliantes em cosméticos. MONOI TIKI – MONOI USA(*): www.monoiusa.com Perfumeri Tiki é uma empresa familiar fundada em 1942 e tem orgulho de dizer que fabrica, há 60 anos, o primeiro Monoi produzido em Tahiti vendido globalmente. A empresa é certificada ISO 9001 DESDE 2007. Líder de indústria na Polinésia Francesa, Parfumerie Tiki possui mais de 30 anos de experiência em exportação global.  A distribuição nos Estados Unidos e Ásia é feita pela Monoi USA® desde 2000. Parceiro de longo prazo, seu conhecimento dos produtos e forte relação com a Perfumerie Tiki confiaram à empresa uma reputação de confiabilidade. LABORATOIRE SONIAM(*): www.soniam.fr E mpresa francesa que cria e produz extratos orgânicos e ativos utilizados como ingredientes para a indústria cosmética como: extratos orgânicos tradicionais de plantas (extratos aquosos, extratos de óleos, extratos de hidroglicerina…), ativos orgânicos de origem vegetal (antioxidante, branqueador, hidratantes, ativos para cuidados capilares). SURFACHEM Group(*): www.surfachem.com Surfachem Group é um dos distribuidores líderes de especialidades químicas para a indústria de cosméticos e cuidados pessoais. Sua gama de produtos permite ao formulador fabricar produtos em todos os setores dos cuidados pessoais, incluindo cuidados com a pele, banho e ducha, cuidados capilares, cuidados com o sol e cosméticos coloridos. Representa produtores globais importantes e trabalham com parceiros de negócios para ajudá-los a ultrapassar seus concorrentes. Sediada no Reino Unido, a empresa possui subsidiárias no Brasil, Polônia, Escandinávia e Benelu x.   Para mais informações: Contato Setorial/ Business France: Marie-Christine Thumerel Mari-christine.thumerel@businessfrance.fr Fone: +33 1 40 73 31 11 www.businessfrance.fr/   Contato imprensa: Vera dos Anjos vera.dosanjos@businessfrance.fr Fone: (55 11) 30 87 31 22 Fax: (55 11) 30 87 31 01
Conheça nossa equipe
  Richard Gomes - Diretor Business França América Latina. Depois de completar seu VIA no Brasil em 1996, Richard Gomes ocupou vários cargos de Direção no setor das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) na França, Portugal e Califórnia. Ele liderou o departamento de Novas Tecnologias, Inovação e Serviços em Ubifrance, em Paris, de 2009 a 2012 e foi Diretor de Negócios França-Península Ibérica de 2012 a 2017, antes de retornar ao Brasil em setembro de 2017. Sua experiência em TIC, bem como seu bom conhecimento sobre o ambiente tecnológico francês e americano, permitiram que ele fosse eleito entre as 100 personalidades digitais na França pela revista 01Informatique (novembro de 2010). Richard possui um DESS em Bancos e finanças e mestrado em economia e finanças internacionais pela

Leia mais

Facebook
Area de Imprensa & Mídia
Lista de últimos comentários

Excelente evento! Parabéns pela org...

Mauro Henrique Pereira | octobre 22, 2014

O Seminário foi um sucesso. Parab&#...

Peter Alouche | mars 26, 2013

Parabenizo à UbiFrance pela realiza...

Marcelo Sakai | Covoiturage/Caronas | djengo.com.br | mars 19, 2013