BUSCA RESULTADOS

A reforma da arbitragem reforça a atratividade da França para os escritórios jurídicos internacionais

Catherine Ferrão - 08-févr.-2011 13:43:28
                                                               Mais da metade dos 100 primeiros escritórios de advocacia de negócios no mundo está presente em Paris. Com um efetivo médio de 140 pessoas, esses escritórios empregam em média 7.000 pessoas em Paris, das quais aproximadamente 4.000 advogados (fonte: «  Radiographie 2009 des cabinets d’avocats d’affaires en France  »). Dentre os escritórios instalados em Paris, cuja grande parte é americana, estão Reed Smith, Morgan Lewis, Orrick, K&L Gates, Nixon Peabody e Bryan Cave.   Suas atividades estão relacionadas não somente à consultoria e litígios que dependem dos tribunais franceses, mas também à arbitragem internacional, para a qual Paris ocupa o primeiro lugar na Europa graças particularmente a presença, desde 1923 na capital francesa, do Tribunal Internacional de Arbitragem da Câmara de Comércio Internacional (CCI). Em 2009, mais de 900 novos dossiês de arbitragem foram tratados pela CCI.   Como alternativa ao processo para resolução de litígio comercial entre empresas de todas as nacionalidades , o processo de arbitragem acontece a portas fechadas e as partes escolhem os juízes-arbitrais que compõem o tribunal. Na França, a arbitragem internacional é enquadrada por dois decretos que visavam, no começo dos anos 80, simplificar o processo e melhorar sua eficácia, permitindo que o juiz estatal interviesse na instância da arbitragem com o objetivo de garantir seu bom funcionamento.   Após trinta anos de prática, a França considerou necessário reformar esses textos através do decreto de 13 de janeiro de 2011 sobre a reforma da arbitragem . O objetivo é duplo: consolidar uma parte do que já foi obtido através da jurisprudência e fornecer complementos aos textos anteriores para melhorar sua eficácia e integrar as disposições inspiradas em certos direitos estrangeiros, onde tal prática se mostrou útil.   Para David Appia, Presidente da AFII: «Vários escritórios de advocacia de negócios estrangeiros estão presentes em Paris para tirar proveito da proximidade com a Câmara de Comércio Internacional e com o Tribunal de Arbitragem, responsável pela resolução de litígios comerciais internacionais. Esses escritórios aconselham e acompanham os investidores estrangeiros na França. A modernização recente da arbitragem reforça Paris como um dos melhores lugares para se fazer negócios: tudo está reunido para que a implantação dos escritórios de advocacia de negócios estrangeiros em Paris prossiga em proveito dos investidores estrangeiros».   A Agência Francesa para Investimentos Internacionais (AFII) é a agência nacional encarregada da promoção, prospecção e recebimento dos investimentos internacionais. A AFII facilita a realização de seu projeto na França. É o órgão econômico de referência sobre a atratividade e imagem da França. A AFII conta com uma rede internacional, nacional e territorial e trabalha em parceria estreita com agências regionais de desenvolvimento econômico, para oferecer serviços sob medida aos investidores internacionais. Para maiores informações, contate o Diretor Geral da AFII no Brasil francois.removille@investinfrance.org ou acesse o site www.investinfrance.fr/pt Assessoria de Imprensa Ubifrance Brasil: Vera Dos Anjos Responsável Comunicação, Assessoria de Imprensa e Promoção VIE Ubifrance – Missão Econômica de São Paulo Embaixada da França no Brasil Rua Marina Cintra, 94 – 01446-901 SÃO PAULO – SP Tels (55 11) 30 87 31 00; Fax: (55 11) 30 87 31 01 vera.dosanjos@ubifrance.fr UBIFRANCE Agência francesa para o desenvolvimento internacional das empresas www.ubifrance.fr
Conheça nossa equipe
  Richard Gomes - Diretor Business França América Latina. Depois de completar seu VIA no Brasil em 1996, Richard Gomes ocupou vários cargos de Direção no setor das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) na França, Portugal e Califórnia. Ele liderou o departamento de Novas Tecnologias, Inovação e Serviços em Ubifrance, em Paris, de 2009 a 2012 e foi Diretor de Negócios França-Península Ibérica de 2012 a 2017, antes de retornar ao Brasil em setembro de 2017. Sua experiência em TIC, bem como seu bom conhecimento sobre o ambiente tecnológico francês e americano, permitiram que ele fosse eleito entre as 100 personalidades digitais na França pela revista 01Informatique (novembro de 2010). Richard possui um DESS em Bancos e finanças e mestrado em economia e finanças internacionais pela

Leia mais

Facebook
Area de Imprensa & Mídia
Lista de últimos comentários

Excelente evento! Parabéns pela org...

Mauro Henrique Pereira | octobre 22, 2014

O Seminário foi um sucesso. Parab&#...

Peter Alouche | mars 26, 2013

Parabenizo à UbiFrance pela realiza...

Marcelo Sakai | Covoiturage/Caronas | djengo.com.br | mars 19, 2013