BUSCA RESULTADOS

França anuncia os resultados dos Investimentos diretos estrangeiros no país

Vera dos Anjos - 23-mars-2016 21:52:22
                          33.682 empregos gerados ou mantidos pelos investimentos internacionais em  2015: produção e instalação de sedes corporativas em destaque   Paris, 22 de março de 2016 . O « Relatório sobre a internacionalização da economia francesa – Balanço 2015 dos investimentos estrangeiros na França », divulgado neste último dia 22 (de março), analisa as decisões relativas aos investimentos estrangeiros e sua contribuição para a economia francesa. Em 2015,  962 decisões de investimento  geraram ou mantiveram  33.682 empregos , o primeiro melhor ano dos últimos 5 anos.  Com 19 decisões em média por semana , o ano de 2015 registra  um crescimento de 27% dos empregos  gerados em relação a 2014 quando haviam sido computados 26.535 empregos. As empresas estrangeiras investem em primeiro lugar em atividades de produção com  30% dos investimentos realizados na França . Esses projetos representam um universo de 16.168 empregos (contra 11.601 empregos em 2014), ou seja, 48% do total dos empregos gerados ou mantidos. A destacar também a instalação de Sedes corporativas (Headquarters), sendo 27 Sedes mundiais ou Europeias, contra 16 em 2014. Nesse sentido, o grupo alemão Siemens decidiu em 2015 levar para Toulouse a sede mundial de suas atividades de metrôs automáticos “chave na mão” da linha Val. A canadense Premier Tech, especializada na horticultura e agricultura, embalagem e as tecnologias do meio ambiente reforça a matriz de suas atividades europeias situada na região francesa Pays de la Loire, com uma nova linha de produção automatizada e um novo centro de P&D internacional. A pesquisa & desenvolvimento permanece em um nível muito elevado com  9%  de todas as decisões de investimentos em 2015, ou seja, 87 decisões. As filiais das empresas estrangeiras na França contribuem com 28% dos gastos com P&D na França, totalizando 8,6 bilhões de euros. Os investimentos são provenientes de 53 países contra 47 países em 2014: Os países da União Europeia continuam sendo os principais investidores na França com 60% do total das decisões de investimento, em seguida, está a América do Norte 22% e a Ásia 13%, posições que permanecem bastante estáveis em relação a 2014.  Os principais investidores na França são as empresas  americanas  (18%). Elas estão na origem de um quarto das decisões mundiais de investimentos em P&D no país. Em seguida vem  as alemãs  (15%), que representam 26% das decisões nas atividades de produção. Já as  italianas  (9% dos investimentos totais) estão na origem de 31% dos investimentos nas atividades de logística. As  britânicas  (8%) contribuem com 22% dos  pontos de venda  e, enfim, as empresas  japonesas  (6%) são o  4º maior investidor nas atividades de produção. Os BRIC’s (Brasil, Rússia, Índia, China) representam 7% do investimento internacional com 68 decisões de investimentos, sendo 44 projetos para a China e Hong Kong. Diversos países exibem um número de projetos em alta, dentre os quais o Canadá com 38 projetos (ou seja, +31%), os Países Baixos com 37 projetos (ou seja, +12%), bem como a Irlanda com 15 projetos (ou seja, +114%). O dinamismo das regiões e metrópoles representa um fator de atratividade na decisão dos investidores estrangeiros.   Todas as regiões da França estão envolvidas.   Em termos de projetos, Ile-de-France, Auvergne-Rhône-Alpes e Alsácia-Champagne-Ardenne-Lorraine acolhem mais da metade das decisões de investimento.  Em termos de empregos gerados ou mantidos, as principais regiões são Ile-de-France, Nord-Pas-de-Calais-Picardie, Alsácia-Champagne-Ardenne-Lorraine e Auvergne-Rhône-Alpes. Em termos de funções, a Ile-de-France (que inclui Paris Region) atraiu 64% dos projeto nos «centros de decisão»  (primeiras implantações, principalmente).  Alsácia-Champagne-Ardenne-Lorraine e Auvergne-Rhône-Alpes distinguem-se na acolhida de projetos de produção, recebendo respectivamente 20% e 17% do total nacional. A região Ile-de-France e Languedoc-Roussillon-Midi-Pyrénées são respectivamente o destino de 31% e 13% dos projetos de pesquisa e desenvolvimento. As empresas estrangeiras contribuem com 32% das exportações francesas . Em 2015, segundo o INSEE – Instituto nacional de estatística e estudos econômicos,  mais de um quarto do faturamento das empresas, sob controle estrangeiro, implantadas   na França, são oriundos das exportações . Essa parcela atinge 31% para as empresas americanas, 21% para as alemãs, 25% para as holandesas, 15% para as inglesas e 30% para as japonesas.   A PRESENÇA DAS EMPRESAS BRASILEIRAS NA FRANÇA - INVESTIMENTOS BRASILEIROS NA FRANÇA SE ESTABILIZAM EM 2015 Cerca de quarenta empresas brasileiras estão presentes na França, onde empregam mais de 2.500 assalariados.  Cinco  novos investimentos geradores de empregos provenientes do Brasil foram concretizados em 2015 e permitiram a criação de 21  novos  empregos  e a manutenção de 700 vagas .  Fora a operação de aquisição da MoyPark pela JBS, t ratam-se de centros de decisão (75%), correspondendo na maioria a Headquarters / Sedes Corporativas Europ eias , mas também a atividades de produção (25%). Estes investimentos estão equitativamente distribuídos entre os setores de máquinas e equipamentos mecânicos, outras atividades de prestação de serviços, equipamentos médico-cirúrgicos e consultoria e serviços destinados a empresas. Eles estão majoritariamente localizados na região Auvergne-Rhône-Alpes (50%).   POSIÇÃO DOS INVESTIMENTOS BRASILEIROS NA EUROPA Em 2015, a França recebeu 7% dos investimentos brasileiros da Europa. O Reino Unido e a Alemanha são os principais países de acolhida de projetos brasileiros na Europa (21% dos projetos)  (ObservatoireEurope,BusinessFrance)   EXEMPLOS DE PROJETOS DE INVESTIMENTOS BRASILEIROS EM 2015 -  CAMILOTTI&CASTELLANI:  o escritório de advocacia especializado em direito societário, empresarial e tributário, Camilotti & Castellani, implantou-se pela primeira vez na Europa com a criação de um escritório comercial em Lyon (Auvergne-Rhône-Alpes) onde trabalha atualmente uma pessoa. -  JBS:  o grupo JBS, líder mundial em carnes, adquiriu a produtora e processadora de aves irlandesa MoyPark que possui duas unidades na França (Nord-Pas-de-Calais-Picardie e Centre-Val-de-Loire) e emprega mais de 700 assalariados. Essa operação faz parte da estratégia da JBS de ampliar seu leque de produtos preparados e de aumentar sua base de clientes no mercado europeu.   «As decisões de investimento estrangeiro geraram 33.682 empregos em 2015, ou seja, um aumento de 27% em relação a 2014, em um contexto de concorrência internacional acirrada para atração de projetos e empregos. Com nossos parceiros regionais, as equipes da Business France intensificaram seus esforços para convencer os investidores estrangeiros de que a França é um território chave para o desenvolvimentos de seus projetos na Europa. Elas atraíram 522 projetos em um total de 962, ou seja, 54% do total dos investimentos estrangeiros em território francês»,  comemora   Muriel Pénicaud ,  Embaixadora Delegada de Investimentos Internacionais e Diretora Geral da Business  France .   Sobre a Business France Business France   é a agência nacional de apoio à internacionalização da economia francesa, responsável por impulsionar o crescimento das exportações de empresas francesas, bem como prospectar e facilitar os investimentos estrangeiros na França. Ela promove a atratividade e a imagem econômica da França, suas empresas e seus territórios, e também se ocupa da gestão das candidaturas VIE (Voluntariado Internacional na Empresa). Criada em 1º de janeiro de 2015, resultado da fusão entre a UBIFRANCE e a AFII (Agência Francesa para Investimentos Internacionais), a Business France conta com 1.500 colaboradores, situados na França e em 70 países, que trabalham com uma rede de parceiros do setor público e privado.   Para mais informações, visite:   www.businessfrance.fr Site Brasil :   www.youbuyfrance.com/br Twitter :  @BF_Brazil     Contatos Imprensa / França   Cynthia.odsi@businessfrance.fr  : 01 40 74 74 15 Clement.moulet@businessfrance.fr : 01 40 73 35 31 Severine.decarvalho@businessfrance.fr : 01 40 74 73 88   Contatos Imprensa / Brasil   François Removille                  francois.removille@businessfrance.fr   +55 (11) 3087 3121 Vera dos Anjos                          vera.dosanjos@businessfrance.fr              +55 (11) 3087 3122          

La Galerie des Solutions: uma exposição única de soluções de baixo carbono em Bourget durante a COP21

Marina Carrara - 30-nov.-2015 19:21:54
De 2 a 9 de dezembro de 2015 no Museu do Ar e do Espaço de Bourget A Conferência do Clima (COP21), em Paris, neste dezembro, pretende chegar a um acordo internacional sobre o clima para dar prosseguimento ao Protocolo de Kyoto. Este acordo deve ser capaz de promover a redução das emissões globais de gás de efeito estufa de maneira a limitar a 2°C o aumento da temperatura média da Terra até o final do século em relação à era pré-industrial.   Nesse contexto, a Reed Expositions France organiza, em colaboração com a Secretaria Geral da COP21, La Galerie des Solutions, de 2 a 9 de dezembro de 2015, no Museu do Ar e do Espaço de Bourget. Criada para incentivar as negociações diplomáticas, La Galerie é uma exposição de soluções de baixo carbono, reservada exclusivamente a profissionais. Sua ambição é mostrar que existem soluções que devem ser difundidas.   Em uma área de 10.000 m ² com acesso a partir do Espaço Azul (espaço de negociações da COP), La Galerie apresentará, durante sete dias, soluções inovadoras desenvolvidas e aplicadas por empresas, setores ou administrações públicas com o objetivo de reduzir o impacto das atividades econômicas sobre o clima: equipamentos, tecnologias, novos modelos de organização, boas práticas reproduzíveis… Mais de 20.000 visitantes são aguardados: participantes da COP21 (chefes de Estado, ministros, delegações da ONU de 197 países), profissionais (dirigentes e formadores de opinião públicos e privados, delegações convidadas pelos organizadores…) e representantes da mídia (imprensa escrita, rádio, televisão, blogs).   Único espaço voltado a negócios da Conferência de Paris, La Galerie reunirá soluções exemplares nas áreas de energia de baixo carbono (eficiência energética, renováveis…), construção, transportes, água, agricultura, economia circular e indústria do futuro. Estas soluções são apoiadas pelos diversos parceiros da Galerie: Association Réseaux électriques intelligents smart grids France, Biogaz Vallée, Business France, CleanTech Open, CleanTuesday Investment, Club Ademe International, Coop de France, Fer de France, France Energie Eolienne, Institut national de l’énergie solaire, Les Eco Maires, Syndicat des Energies Renouvelables, Shift Project, Syntec Ingénierie, RTE, Transport Passion, Vivapolis… Da mesma forma, uma jornada França-China e uma jornada África serão realizadas. Mais de vinte países estarão presentes, dentre os quais: Argélia, Arábia Saudita, Camarões, Canadá, Chile, China, Costa do Marfim, Dinamarca, Emirados Árabes Unidos, Estados Unidos, Israel, Japão, Marrocos, México, Paraguai, Qatar, República do Congo, Tailândia, Taiwan, Chade, Tunísia e Vietnã. Mais especificamente, a Costa do Marfim, um dos países africanos mais atuantes em relação às questões climáticas, terá uma grande participação através de um estande que mostrará as iniciativas e projetos do país, uma transmissão no Estúdio de TV e a vinda de inúmeros participantes oficiais. Quanto ao país anfitrião, a oferta francesa terá, por sua vez, especial destaque em um espaço exclusivo no centro da exposição.   Já constam no programa as demonstrações de soluções – inclusive de veículos limpos em espaço externo exclusivo - e os eventos especiais, tais como as jornadas temáticas que fazem parte do planejamento global da COP21, programas e entrevistas com empresas em estúdio de TV (ex.: programação diária dedicada ao transporte, com a participação da Fer de France), percursos guiados e visitas in loco para delegações da ONU. Todas essas manifestações serão complementadas por acontecimentos prestigiosos – sessões de networking em lounge exclusivo, almoços de negócios, soirées VIP no coração de Paris - e entrega oficial de prêmios: a primeira edição dos Troféus Soluções Clima com o aval da COP21 e o concurso internacional Green Building Solutions Awards .     Site oficial: http://www.lagalerie-cop21.com/

Millésime Bio aumenta sua área expositiva para sua 21ª edição em 2014

Gabriela Nakano - 16-sept.-2013 15:53:11
Encontro imperdível do setor de viticultura orgânica, o salão Millésime Bio está de volta de 27 a 29 de janeiro de 2014, no Parque de Exposições de Montpellier, na França, com a abertura de mais um hall. Durante três dias, mais de 4.000 profissionais irão ao encontro de 750 expositores vindos de todos os países ou regiões de produção. No âmbito desta 21ª edição: degustações, contato com produtores, conferências sobre o mercado do vinho orgânico… Millésime Bio, um conceito único • Agrupamento de uma oferta de vinhos orgânicos originários de todos os países ou regiões de produção. • Uma oportunidade de intercâmbio e descobertas com conferências e espaços de livre degustação. • Novidade 2014: a criação de um terceiro hall para otimizar as condições de degustação e acolher novos expositores! Resumo da edição de 2013 • 689 expositores produtores e negociantes (+ 5% em um ano) e 11 nacionalidades representadas, França, Itália e Espanha formam o trio principal. Os vinhedos austríaco, português e alemão acentuaram sua presença com, em 2013, produtores ainda mais numerosos. • 4.160 visitantes profissionais presentes em 2013 (contra 3.360 em 2012), sendo 24% visitantes estrangeiros. Os profissionais norte-americanos (13,7%), alemães (13,3%), escandinavos (10,7%), asiáticos (10,6%), de Benelux (10,6%), bem como britânicos / irlandeses (7,4%) são os principais participantes do salão. Quanto aos importadores, eles assumem a ponta como visitantes (19,8%) seguidos por comerciantes (18%), negociantes (8,65%) e pelo segmento de bares, hotéis e restaurantes (6,5%). Alguns dados sobre o mercado do vinho orgânico: Na área da produção • Com 64.801 ha em modo orgânico de produção na França em 2012 contra 61.055 ha em 2011, a uva orgânica registra uma progressão de 6%. • O número de propriedades vitícolas passou de 4.692 em 2011 para 4.927 em 2012 e as áreas vitícolas orgânicas quase triplicaram em 4 anos. Na frente do pelotão, 3 regiões francesas: Languedoc-Roussillon (20.795 ha ± 4% em um ano), seguida pela região Provence-Alpes-Côte d’Azur (14.885 ha ± 8% em um ano) e Aquitaine (9.752 ha ± 3% em um ano). • Lembremos também que a França atua como aluno exemplar em escala mundial, posicionando-se em segundo lugar, atrás da Espanha e diante da Itália. Na área do consumo • Em 2013, 1 em 3 franceses consome vinho orgânico regularmente ou de vez em quando, segundo um estudo sobre o consumidor da IPSOS e o faturamento 2012 atinge 413 M€ (+ 15% em um ano). As vendas para exportação cresceram (Alemanha, Estados Unidos, Japão...), representando 19% do faturamento do setor alimentício orgânico, ou seja, 58 M€. • Os circuitos de distribuição do vinho orgânico: 36% em venda direta, 27% em Distribuição Especializada Orgânica, 19% em Grandes Redes Varejistas e 17% através de Produtores-Comerciantes.  Para maiores informações: www.millesime-bio.com Sobre o Sudvinbio Sudvinbio surgiu em 1991 por iniciativa dos produtores que praticam esse tipo de agricultura, a fim de divulgar coletivamente seus vinhos. Anteriormente denominada Associação Interprofissional dos Vinhos Orgânicos do Languedoc-Roussillon (AIVB-LR), ela foi rebatizada de Sudvinbio em 2012. Sudvinbio é hoje reconhecida por todos os profissionais e poderes públicos como uma associação ativa e dinâmica que contribuiu amplamente para a notoriedade dos vinhos orgânicos não só da região de Languedoc- Roussillon, mas de outras regiões graças a suas inúmeras atividades. Contato imprensa Organizador na França, SUDVINBIO Cendrine Vimont Fone: (00XX334) 99 13 30 43 cendrine.vimont@sudvinbio.com Divulgação Brasil Vera Dos Anjos - mtb: 14.534 Responsável Comunicação e Assessoria de Imprensa UBIFRANCE Brasil Embaixada da França no Brasil Tel. direto: (55 11) 3087 3122 vera.dosanjos@ubifrance.fr Gabriela Nakano Assistente de comunicação UBIFRANCE BRASIL Embaixada da França no Brasil Tel.: (55 11) 30873172 gabriela.nakano.INT@ubifrance.fr Visite nosso blog: www.ubifrance.com/br

Encontro gourmet em São Paulo

Fernanda Krueger - 02-juil.-2012 20:02:32
Por ocasião do lançamento do SIAL Brazil – edição brasileira do Salão Internacional da Alimentação, a Paris Region Economic Development Agency (PREDA) realizou, no dia 26 de junho de 2012, um evento gourmet à francesa em São Paulo. Este evento, que promoveu a integração entre profissionais brasileiros e franceses, teve como objetivo destacar as várias oportunidades de negócios oferecidas às empresas brasileiras pela região de Paris e seus salões dedicados à agroindústria e indústria alimentícia. Vieram de Paris para o encontro com profissionais brasileiros: Jean-Luc Margot-Duclot, Vice-Presidente Executivo Sênior da PREDA, Valerie Lobry, Diretora Geral – Divisão Agricultura & Alimentação da Comexposium que representa diversos salões líderes do setor, bem como Olivia Milan-Grosbois, Diretora do SIAL group. Durante seu discurso, Jean-Luc Margot-Duclot lembrou que os mercados brasileiro e francês oferecem excelentes oportunidades de negócios para as empresas dos dois países, como comprova o número crescente de brasileiros presentes nos salões parisienses. Jean-Luc Margot-Duclot também ressaltou o papel dos salões da região Ile-de-France como plataformas mundiais da inovação, observatórios de tendências e propulsores de negócios. Paris – ponto alto da gastronomia mundial – reúne uma oferta única no mundo, composta por 14 salões líderes ligados à agroindústria e indústria alimentícia dos quais se deve participar para estar em sintonia com o mercado mundial. Valérie Lobry agendou um encontro com os profissionais brasileiros do setor em Paris, de 21 a 25 de outubro próximo, por ocasião do SIAL Paris. Ela anunciou a realização de uma edição ainda mais abrangente com possibilidades de negócios otimizadas graças a setores revisitados, uma gama completa composta por 6.000 expositores aguardados - 80% de estrangeiros originários de mais de 106 países, visitantes implicados e dispostos a negociar – 140.000 profissionais previstos provenientes de 200 países – uma participação brasileira em ascensão e, mais do que nunca, a presença da inovação como tema do salão. Uma edição decididamente voltada para os grandes desafios enfrentados pelos profissionais da alimentação no mundo. A diretora citou ainda os outros eventos do setor: IPA, Salão Internacional do Processamento e Acondicionamento de Alimentos (21.10.-25.10.2012), In-Food, Salão de Produtos Alimentícios Intermediários, Ingredientes, Aditivos e Terceirização Industrial (21.10.-25.10.2012), Emballage, Salão Internacional da Embalagem (19.11.-22.11.2012), SIAL, Salão Internacional da Agricultura (23.02.-03.03.2013) e SIMA, Salão Internacional de Máquinas Agrícolas (24.02.-28.02.2013).  Tendo em vista os desafios atuais da agroindústria e indústria alimentícia, estes salões parisienses com participação internacional representam incontestavelmente uma plataforma ideal para conquistar os mercados francês e europeu, conhecer as tendências futuras e estar em contato com as personalidades internacionais do setor. Principal região do mundo na área de organização de salões internacionais e congressos, a região de Paris acolhe anualmente mais de 440 salões, dos quais participam 10 milhões de visitantes profissionais e 100.000 empresas expositoras, que fazem de Paris o principal destino de negócios na Europa. Com mais de 666.700 m² de área bruta de exposição, a região também oferece a principal área de exposição do mundo.  

PAVILHÃO FRANÇA RECEBE MAIS DE 150 VISITANTES NO PRIMEIRO DIA DA EXPOVINIS 2012

Fernanda Krueger - 25-avr.-2012 16:20:20
A UBIFRANCE BRASIL registrou mais de 150 profissionais do setor de vinhos no Pavilhão França, no primeiro dia da Expovinis 2012. As palestras e degustações ministradas por Aguinaldo Zackia Albert no espaço TASTING MASTER CLASS , contaram com mais de 60 pessoas entre importadores, sommeliers, distribuidores e imprensa especializada . Os temas “Vinhos Franceses” e “Vinhos de Bordeaux” chamaram a atenção do público e prometem repetir o sucesso na próxima quinta-feira (26/04), data em que serão novamente realizadas. OUTROS DESTAQUES A produção de vinhos orgânicos também gerou interesse por parte do público e a Terrois Vivants, especialista em vinhos 100% orgânicos há 25 anos, foi um dos produtores mais visitados. Toda sua produção é proveniente da Agricultura Biológica e certificada pela ECOCERT, o que representa uma garantia da ética da casa (AB e NOP). Seus vinhos abrangem 4 diferentes  zonas (Vignobles du Languedoc, de Vallée du Rhône, Bordeaux e Gascogne) e entre 2011 e 2012, foram premiado com 15 medalhas em concursos internacionais. A Terroirs de L’Occitane, serviço exporta da empresa “Les Crus Faugères”, foi sucesso entre o público apresentando seu rosé e tintos da região de Languedoc. Ela tornou-se referência em AOC Faugères, principalmente com o MAS Olivier. Assessoria de Imprensa UBIFRANCE Brasil: Fernanda Krueger fernanda.krueger@ubifrance.fr UBIFRANCE BRASIL - Embaixada da França no Brasil Tel.: (11) 3087.3123    

BALANÇO POSITIVO PARA A 19ª EDIÇÃO DO SALÃO MILLESIME BIO MONTPELLIER (FRANÇA) - DE 23 A 25 DE JANEIRO DE 2012

Fernanda Krueger - 28-févr.-2012 15:08:50
  Por ocasião de sua 19ª edição, o Salão MILLESIME BIO confirma seu papel de plataforma internacional de intercâmbio na área da viticultura orgânica. Evento único na França e no mundo, este salão conta com a fidelização de seus expositores e visitantes.   Exclusivamente reservado a vinhos orgânicos certificados, o MILLESIME BIO reuniu 588 expositores orgânicos certificados provenientes de 13 países e 3.360 visitantes de 38 nacionalidades diferentes. Duas convenções de negócios (vinhos e produtos agroindustriais e alimentícios orgânicos) organizadas pela Sud France Développement no próprio local do salão, possibilitou a participação de compradores de cerca de 75 empresas do ramo de exportação e dos mercados europeus.     Expositores: fidelização do Novo Mundo e desenvolvimento da Europa Mesmo com França, Espanha e Itália representando o principal trio de expositores, Áustria e Alemanha reforçam sua presença neste ano. Produtores e negociantes da África do Sul, Egito, Argentina e Estados Unidos também estão de volta em 2012, confirmando sua fidelidade em relação ao evento pelo terceiro ou quarto anos consecutivos. Visitantes: consolidação da atratividade do Salão O aumento na freqüência do salão ( 3.360 visitantes contra 3.200 em 2011*   ) confirma o interesse dos profissionais da área pelos vinhos orgânicos, bem como o dinamismo deste mercado em um contexto de crise econômica. Cada vez mais numerosos, os estrangeiros representam este ano 22% dos visitantes, tendo à frente profissionais do Benelux (16,7%), alemães (13%), norte-americanos (12,5%) e escandinavos (11,5%). Os comerciantes (19%) são os principais visitantes do salão, seguidos por importadores (13%), negociantes (10,5%) e representantes de bares, hotéis e restaurantes (7,5%). Os pontos altos do salão Áreas para degustação, uma enoteca e um espaço «Challenge Millésime bio» permitiram que os visitantes degustassem os produtos de cada expositor, bem como as safras premiadas no último concurso. Neste ano, o salão destacou o know-how e a excelência da oferta regional de vinhos orgânicos. No stand de degustação dos vinhos com o selo Sud de France, um sommelier apresentava uma seleção de vinhos orgânicos Languedoc-Roussillon, premiados em vários concursos de notoriedade internacional. O salão também promove intercâmbios através de mesas-redondas e conferências temáticas, como os «Encontros especializados sobre viticultura orgânica» que tinham como tema neste ano «A viticultura orgânica francesa no contexto europeu, posição e perspectivas». O crescimento do mercado de vinhos orgânicos é atualmente uma tendência que diz respeito à maioria dos países consumidores de vinho e seus circuitos de distribuição (comerciantes, representantes de bares, hotéis e restaurantes, varejistas, redes especializadas…). Criado em 1993 por um pequeno grupo de produtores da região de Languedoc-Roussillon, o MILLESIME BIO reúne anualmente expositores do mundo todo que divulgam vinhos de qualidade, provenientes da agricultura orgânica. Conta com o apoio financeiro do Conselho Regional Languedoc-Roussillon e da União Européia.   *um único registro por visitante   www.millesime-bio.com Contatos Imprensa: Cendrine Vimont vimont.aivb@orange.fr Fone: (00XX334) 99 13 30 43 AIVB-LR Arcades Jacques Cœur – Bât C 75, avenue de Boirargues 34970 Lattes - França Contato Assessoria de Imprensa UBIFRANCE Brasil: Vera Dos Anjos - mtb 14.534 vera.dosanjos@ubifrance.fr Responsável Comunicação, Assessoria de Imprensa  e Marketing on-line UBIFRANCE - Escritório de São Paulo Embaixada da França no Brasil Tels : (011) 30 87 31 22 (Vera/ direto) (011) 30 87 31 23 (Fernanda) SOBRE A UBIFRANCE A UBIFRANCE é uma agência governamental que tem por objetivo promover o desenvolvimento internacional das empresas francesas. Através dos nossos escritórios de São Paulo e Rio de Janeiro promovemos o fomento de parcerias e negócios entre empresas e instituições francesas e brasileiras. Visite nosso blog: www.ubifrance.com/br

NORTE DA FRANÇA REALIZA PROSPECÇÃO NO MERCADO BRASILEIRO E LANÇA O PROJETO FUTURALIA LILLE 2012

Fernanda Krueger - 03-nov.-2011 18:11:30
Norte da França realiza prospecção no mercado brasileiro e lança o projeto futuralia lille 2012 Comitiva da Região de Lille participa do III Fórum de Inovação França-Brasil, dia 8 de novembro de 2011, com objetivo de incrementar relações com o Brasil Delegação conversa com a imprensa no dia 7 de novembro, às 11h, na Câmara de Comércio França-Brasil (Alameda Itu, 852 – 19º andar – São Paulo-SP – Cerqueira Cesar). Confirme sua presença!         Uma delegação composta por 22 empresários e autoridades do Norte da França estará no Brasil de 7 a 11 de novembro de 2011, passando por São Paulo, Belo Horizonte e Rio de Janeiro. A delegação será chefiada pelos Senhores Daniel Percheron, Presidente do Conselho Regional Nord Pas de Calais e Philippe Vasseur, Presidente da Câmara de Comércio e Indústria Regional. Ela conta especialmente com as presenças dos Senhores Pierre de Saintignon, Vice-Presidente do Conselho Regional e Vice-Presidente da Lille Métropole Communauté Urbaine, Jean-Pierre Guillon, Presidente do MEDEF Nord Pas de Calais e Luc Doublet, Presidente da CCI International Nord de France, responsável pela internacionalização das empresas da região e Presidente interino do Nord France Invest, órgão responsável pela promoção e implantação de empresas estrangeiras na região. Por que a região de Lille aspira desenvolver suas relações com o Brasil? O nível das exportações da região de Lille para o Brasil está aquém do seu potencial . Embora esta região represente cerca de 10% das exportações francesas, no que se refere ao Brasil, sua participação é de apenas 4% do total nacional (200 milhões de dólares em 2010); o número de exportadores regionais para o Brasil era de 132 em 2010, enquanto que a região conta com 5.000 exportadores. Neste sentido, uma delegação de 10 PMEs regionais realiza de 7 a 11 de novembro de 2011 uma prospecção do mercado brasileiro com o apoio da Ubifrance e da Câmara de Comércio França-Brasil. Dentre elas, indústrias como Eurofours, CVP, Hephais, Sodinor, Malengé, empresas ligadas ao segmento ferroviário (Certifer, Prosyst, Crepim), do setor têxtil técnico (Tibtech), como também a Créatique Technologique que acaba de abrir sua filial no Brasil para operar na indústria automobilística. Nossas filiais no Brasil estão em progressão , mas igualmente aquém do nosso potencial. Contabilizamos cerca de vinte empresas, dentre as quais Affival (metalurgia), Arc International (casa e decoração), Dalkia International (energia), Dourdin SA (autopeças), Fives Cail (indústrias mecânicas), Decathlon SA – Oxylane (esportes e lazer), Hoyez (divisórias móveis), Tractebel Ingeniering International (engenharia), Leroy Merlin France – ADEO (bricolagem), Pay Back Group (direito e tributação, auditoria, consultoria). E mais recentemente, a Bonduelle, que acaba de instalar uma unidade no Brasil.   No sentido inverso, nossa região contabiliza, no momento, 3 empresas brasileiras implantadas , totalizando cerca de 800 empregos diretos: Marfrig (processamento de aves – 550 empregos), Vale (produção de ligas de magnésio – 130 empregos) e LWR Refractories (fabricação de tijolos refratários – 100 empregos). Daí vem a importância de vir apresentar às empresas brasileiras as vantagens econômicas do Norte da França.   O nível das exportações brasileiras para a França é, no entanto, elevado, com cerca de 1 bilhão de dólares em exportações para a região Nord Pas de Calais em 2010, ou seja, 15% das importações totais da França provenientes do Brasil. Uma marca, realizada por 175 empresas em 2010, que demonstra o papel de porta de entrada de nossa região para os produtos brasileiros na Europa. A Câmara de Comércio e Indústria (CCI) internacional prevê a assinatura de acordos com dirigentes brasileiros , tendo em vista a realização do Futurallia 2012 em Lille que reunirá, nos dias 28 e 29 de junho de 2012, mais de 600 empresas, sendo 300 delas vindas do exterior para uma imensa convenção internacional de negócios. Acordos deverão ser assinados com o WTC de São Paulo e a FIEMG. Encontro marcado para daqui 9 meses, em Lille, com empresas brasileiras que desejam atuar na Europa! A delegação será uma das convidadas de honra do Fórum de Inovação França-Brasil no dia 8 de novembro para apresentar suas atividades em matéria de inovação a partir do exemplo dos 7 polos de competitividade da região, dentre os quais, o polo mundial I-Trans, dedicado aos transportes e à intermodalidade. A delegação também estará presente no dia 8 de novembro no salão Negócios nos Trilhos para um encontro com a ABIFER e uma apresentação do potencial ferroviário da região, que representa 40% da produção francesa no setor. Ações promocionais serão organizadas pela Nord France Invest em São Paulo no âmbito do stand França, no dia 8 de novembro, no salão Negócios Nos Trilhos, em Belo Horizonte no dia 10 de novembro sob a forma de um road show com as empresas locais em parceria com a FIEMG e, enfim, no Rio de Janeiro no dia 11 de novembro com as empresas cariocas, em parceria com a FIRJAN. As mensagens da Região Norte da França: O Norte da França / Região de Lille é o norte do sul e o sul do norte, uma região de comércio, aberta para o mundo há séculos, que se fixou como objetivo vir a ser a primeira plataforma logística do Noroeste da Europa. Somos uma região completa “que tem de tudo”: litoral, portos, uma metrópole europeia, áreas rurais, grandes universidades, grandes empresas líderes mundiais, tais como Auchan, Roquette, Lesaffre, Bonduelle. Somos equivalente a um pequeno país : nosso PIB, da ordem de 130 bilhões de dólares, é superior ao da Nova Zelândia, Hungria, Peru e representa 2/3 do PIB do Chile.   Somos o ponto de entrada ideal das empresas brasileiras na Europa . Trata-se do principal entroncamento do Noroeste da Europa com 78 milhões de consumidores em um raio de 300 km . Nossos polos de excelência em tecnologias digitais, eco-atividades, agroindústria e indústria alimentícia, produtos do mar, ferroviário, saúde e biotecnologia, representam os diversos setores com potencial para as empresas brasileiras na criação de parcerias.   Pretendemos desenvolver nossos intercâmbios além da economia: na área da cultura e com a população jovem O Conselho Regional Nord Pas de Calais mantém há três anos, no âmbito de um acordo bem amplo, relações privilegiadas com o Estado de Minas Gerais. Um encontro está previsto para o dia 9 de novembro com o Governador do Estado e o Prefeito de Belo Horizonte a fim de reforçar os intercâmbios com a cidade de Lille. CONTATOS   Conselho Regional Nord Pas de Calais Serviço consular dedicado ao desenvolvimento internacional das empresas   Agência Regional de Promoção dos Investimentos   Didier Decoupigny, diretor interino da MDIT   Stéphane Bossavit, diretor s.bossavit@cci-international.net   Yann Pitollet, diretor geral y.pitollet@nfinvest.fr     FUTURALLIA LILLE 2012 – 28 e 29 de junho de 2012 17 º Fórum Internacional de Desenvolvimento das Empresas Apresentação Futurallia é um evento único e de renome internacional que propõe às Pequenas e Médias Empresas e Indústrias de todos os setores de atividade, encontros profissionais sob a forma de “ speed dating” de negócios. Durante dois dias, este Fórum Internacional de Desenvolvimento das Empresas permitirá a dirigentes e empresários agendar até 1 2 reuniões, personalizadas e pré-agendadas, de 30 minutos com os interlocutores de sua escolha. Inúmeras oportunidades para criar novos laços internacionais, sem esquecer-se dos diversos contatos informais por ocasião dos momentos de descontração. Organizadores A CCI INTERNATIONAL Nord de France é o operador consular responsável pelo desenvolvimento internacional das empresas, reconhecido por suas competências e sua capacidade em gerenciar grandes projetos. Uma equipe de seis pessoas, especificamente designada para esta empreitada, conduzirá o projeto no âmbito da CCI International, em parceria com o Conselho Regional Nord Pas de Calais e todos os envolvidos no desenvolvimento internacional da região. As novidades para 2012 A fim de garantir reuniões B2B de qualidade , um cuidado todo especial será dado à análise das solicitações e à adequação da oferta e da demanda. Além do desempenho da ferramenta de matching informatizada (testada em 16 edições e mais de 50 fóruns de terceiros), colocaremos em funcionamento: § Uma hot line permanente para aconselhar e assessorar os chefes de delegação estrangeiros no recrutamento das empresas, § Um controle sistemático de cada inscrição, § Um processamento manual das demandas mais específicas, § E mobilizaremos nossas redes próximas (as «CCI International» das outras regiões da França, as CCI francesas no exterior e a EEN) e redes profissionais ativas, diariamente motivadas pelos especialistas geográficos da CCI International Nord de France. Mecânica de funcionamento e preparação dos encontros individuais Após a inscrição pelo chefe de delegação, o participante disporá de um espaço cliente pessoal on-line, onde criará seu perfil, especificando sua atividade e o tipo de parceria oferecida e buscada. Desde o início, ele poderá consultar o catálogo on-line das empresas participantes e visualizar os perfis de seus parceiros potenciais. Assim, ele poderá efetuar a escolha de 20 candidatos dentre os participantes. Um software especializado em matchmaking estabelece para cada interessado uma agenda de encontros que lhe é entregue no dia ou na véspera da manifestação.   10 boas razões para participar do Futurallia Lille 2012 Para suas empresas   Futurallia Lille 2012 é uma oportunidade única para as empresas interessadas em:   § Identificar novas oportunidades no exterior. § Encontrar futuros parceiros de setores e países diversos. § Formar alianças comerciais, financeiras, estratégicas ou tecnológicas. § Encontrar em um mesmo local, e em 2 dias, mais de 600 dirigentes de empresas estrangeiras. § Beneficiar-se de nossas escolhas setoriais precisas, graças à nossa atuação junto aos pólos de competitividade e clusters estrangeiros. § Contatar especialistas em assessorar empresas em sua internacionalização.   Na qualidade de parceiro Futurallia   § Assessorar suas empresas locais, oferecendo-lhes oportunidades de negócios no exterior. § Consolidar sua meta de desenvolvimento (exportação/internacionalização), com baixo custo, através de um evento que já comprovou sua eficácia. § Ter a oportunidade de divulgar sua cidade, região, ou país a mais de 600 empresários dos quatro cantos do mundo. § Participar como convidado do evento ( hotel e transporte inclusos ), tendo um mínimo de 5 empresas inscritas. § Contar com uma ajuda de custo de 1000 €, tendo um mínimo de 10 empresas inscritas.   Se você estiver interessado em tornar-se Chefe de Delegação FUTURALLIA Lille 2012 contate: Fone: (00XX333) 59 56 22 60 - m.amzur@cci-international.net Conversa com os jornalistas Dia 7 de novembro – às 11h00 Daniel Percheron (Governador da Região Nord Pas de Calais) e Philippe Vasseur (Ex-Ministro Francês da Agricultura e atual Presidente da Câmara de Comércio e da Indústriada Região Nord Pas de Calais) conversam com os jornalistas sobre as possibilidades de negócios com o Brasil . FAVOR CONFIRMAR PRESENÇA PELOS TELEFONES : (011) 30 87 31 00 (Helena) (011) 30 87 31 23 (Fernanda) ou  (011) 30 87 31 22 (Vera). Serviço : Dia : 07/11/2011 Horário : 11h à 12h30 Local : Câmara de Comércio França-Brasil (CCFB) Endereço: Alameda Itu, 852 – 19º andar – São Paulo-SP – Cerqueira Cesar     Assessoria de Imprensa Ubifrance Brasil: Vera Dos Anjos - MTB 14.534 Responsável Comunicação, Assessoria de Imprensa UBIFRANCE - Missões Econômicas do Brasil Embaixada da França no Brasil  vera.dosanjos@ubifrance.fr    
Conheça nossa equipe
  Richard Gomes - Diretor Business França América Latina. Depois de completar seu VIA no Brasil em 1996, Richard Gomes ocupou vários cargos de Direção no setor das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) na França, Portugal e Califórnia. Ele liderou o departamento de Novas Tecnologias, Inovação e Serviços em Ubifrance, em Paris, de 2009 a 2012 e foi Diretor de Negócios França-Península Ibérica de 2012 a 2017, antes de retornar ao Brasil em setembro de 2017. Sua experiência em TIC, bem como seu bom conhecimento sobre o ambiente tecnológico francês e americano, permitiram que ele fosse eleito entre as 100 personalidades digitais na França pela revista 01Informatique (novembro de 2010). Richard possui um DESS em Bancos e finanças e mestrado em economia e finanças internacionais pela

Leia mais

Facebook
Area de Imprensa & Mídia
Lista de últimos comentários

Excelente evento! Parabéns pela org...

Mauro Henrique Pereira | octobre 22, 2014

O Seminário foi um sucesso. Parab&#...

Peter Alouche | mars 26, 2013

Parabenizo à UbiFrance pela realiza...

Marcelo Sakai | Covoiturage/Caronas | djengo.com.br | mars 19, 2013