So french so good! Ou o toque francês nos produtos gourmets.

Catherine Ferrão - 17/07/14

Entrevista

Christophe Monnier, Chefe do Departamento Produtos e Segmentos Alimentícios da UBIFRANCE

Com a França sendo o reino da gastronomia, a cultura das papilas irradia mundialmente no plano econômico. O setor de produtos gourmets francês representa 7 bilhões de euros, engloba 250 categorias, ou seja, 16% do total das exportações agrícolas e alimentícias francesas. E 1.200 empresas, das quais 90% são PME’s, dedicam-se à exportação.

O que torna os produtos franceses tão atrativos?

Christophe Monnier, expert do setor gastronomia da UBIFRANCE, diz tratar-se de um segmento dinâmico, com uma linha de produtos gourmets ampla e diversificada. Panificação-confeitaria, bolachas, chocolates e queijos especiais são as principais categorias de produtos exportados.

A França distingue-se em duas frentes:  

-    Respeito absoluto pelo sabor, autenticidade e tradição do «terroir français». Cada produto é único, com sua história própria, sua comercialização adaptada. Sensibilização profunda dos profissionais em relação aos problemas de saúde e ambiental. Os produtos gourmets franceses são cuidadosamente preparados respeitando-se a rastreabilidade, coferindo às marcas francesas confiança e reconhecimento no mundo inteiro.

Grandes nomes do setor gastronômico francês: Valrhona (chocolates de alta qualidade), Rougié (célebre foie gras francês), Bridor (panificação francesa), Boirons (frutas e legumes, geleias) e inúmeras outras empresas francesas são extremamente atuantes e empenham-se em sê-lo cada vez mais, para servir uma clientela internacional exigente.

O departamento de Christophe Monnier assessora todos os anos mais de 800 empresas na realização de missões de prospecção, no âmbito de programas como «Saveurs de France», através dos quais os exportadores franceses ganham visibilidade em novos mercados: América Latina ou Ásia, ali expondo seu know-how. É a oportunidade para que os importadores e contatos locais encontrem as empresas francesas por ocasião de reuniões nas quais os participantes são cuidadosamente selecionados para maximizar as chances de sucesso.

Os fornecedores franceses de produtos gourmets dão maior ênfase ao mercado francês e zonas francófonas. No entanto, foi difícil crescer em 2013 em países como a Suíça (0,4%) e a Bélgica (4,2%), cujas oportunidades estão relativamente saturadas. Incentivadas pela emigração em Londres, as empresas francesas mais intrépidas atravessaram o Canal da Mancha, incrementando o crescimento do setor de produtos gourmets no Reino Unido (8.9%). As empresas inovadoras, por sua vez, foram além destes mercados tradicionais, lá onde os índices de crescimento atingem dois dígitos: Áustria (17,1%), Rússia (13,5%). Na realidade, quanto mais longe os exportadores vão, mais eles são recompensados. Na Ásia, os índices de crescimentos explodiram: China 33.3 %, Singapura 14,3%, Hong Kong 12,8%.

Segundo Christophe Monnier, as três prestigiosas vitrines dos talentos franceses são: o SIAL e o EUROPAIN, por um lado, conhecidos por serem espaços onde ocorrem as transações, em particular de produtos de consumo. O Sommet Cuisine no SIRHA em Lyon, por outro lado, evento culinário de vanguarda, pois todo o know-how francês da gastronomia encontra-se mobilizado para uma experiência cada vez mais excepcional em um espaço de 40.000 metros quadrados. Este evento é conta com o prestigioso prêmio "Bocuse dOr", concurso de cozinha disputado entre os chefs mais renomados do mundo, representando seus países respectivos. Premia-se a excelência criativa, os ingredientes fabulosos e o talento culinário!

Para mais informações sobre as empresas francesas, consulte o anuário YOU BUY FRANCE em ubifrance.com:

> Panificação, alimentação fina, confeitaria e diversos produtos gourmets e gastronômicos

Download: Não há arquivo disponível para download
Comentários
Conheça nossa equipe
  Richard Gomes - Diretor Business França América Latina. Depois de completar seu VIA no Brasil em 1996, Richard Gomes ocupou vários cargos de Direção no setor das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) na França, Portugal e Califórnia. Ele liderou o departamento de Novas Tecnologias, Inovação e Serviços em Ubifrance, em Paris, de 2009 a 2012 e foi Diretor de Negócios França-Península Ibérica de 2012 a 2017, antes de retornar ao Brasil em setembro de 2017. Sua experiência em TIC, bem como seu bom conhecimento sobre o ambiente tecnológico francês e americano, permitiram que ele fosse eleito entre as 100 personalidades digitais na França pela revista 01Informatique (novembro de 2010). Richard possui um DESS em Bancos e finanças e mestrado em economia e finanças internacionais pela

Leia mais

Facebook
Area de Imprensa & Mídia
Lista de últimos comentários

Excelente evento! Parabéns pela org...

Mauro Henrique Pereira | octobre 22, 2014

O Seminário foi um sucesso. Parab&#...

Peter Alouche | mars 26, 2013

Parabenizo à UbiFrance pela realiza...

Marcelo Sakai | Covoiturage/Caronas | djengo.com.br | mars 19, 2013